JÁ DISPONÍVEL

Atualização da Gestão de API do Azure: maio de 2020

Data de publicação: 07 maio, 2020

Foi iniciada uma atualização de serviço normal da Gestão de API do Azure a 5 de maio de 2020 que incluiu as seguintes novas funcionalidades, correções de erros e alterações, juntamente com outros melhoramentos. O serviço da Gestão de API poderá demorar mais de uma semana a receber a atualização.

Novo

  • As subscrições com âmbito da API estão agora incluídas nos relatórios da API e, consequentemente, na secção Análise do serviço da Gestão de API no portal do Azure.
  • A capacidade de publicar o portal do programador e verificar e aplicar a política CORS a partir da secção Descrição geral do portal do serviço da Gestão de API no portal do Azure já está disponível.


     
  • Se o serviço da Gestão de API estiver implementado numa rede virtual, pode agora explorar o estado de conectividade da rede na secção Estado de conectividade da rede dedicada do serviço no portal do Azure.

Fixo

  • Terminar a sessão do portal do procurar limpa os cookies do browser com o token de autenticação.

Alterado

  • Os nomes de anfitrião do gateway de API autoalojados estão agora incluídos no campo Servidores da definição OpenAPI v3 ao exportar uma API.
  • O tempo de carregamento do portal do programador foi reduzido graças a uma colocação em cache adicional.
  • A capacidade de restaurar a sessão administrativa do portal do programador num novo separador do browser já está disponível.
  • O portal do programador legado apresenta agora uma mensagem se não for possível aceder ao serviço captcha (por exemplo, se a rede virtual estiver mal configurada).
  • O Application Insights mostra agora sempre o número correto de erros se o registo estiver ativado na Gestão de API. Anteriormente, o número era mal reportado quando a amostragem era inferior a 100 por cento e estava selecionado o sinalizador "Registar sempre erros".
  • Tem agora a capacidade de especificar o cabeçalho da chave de subscrição ou o nome do parâmetro de consulta ao importar uma API com um modelo do Resource Manager. Por exemplo:
    {
      "type": "Microsoft.ApiManagement/service/apis",
      "name": "[concat(parameters('ApiManagement.Name'),'/', variables('ApiManagement.Api.Name'))]",
      "apiVersion": "2019-01-01",
      "properties": {
        "subscriptionRequired": true,
        "path": "catalog/products",
        "subscriptionKeyParameterNames": {
          "header": "X-API-Key",
          "query": "apiKey"
        },

        "value": "<REDACTED>",
        "format": "swagger-json"
      },
      "tags": "[variables('Tags')]",
      "dependsOn": []
    }

O portal do programador segue um ciclo de vida de versão independente, sendo que o registo de alterações por versão está disponível no GitHub.

  • Gestão de API
  • Features

Produtos Relacionados