JÁ DISPONÍVEL

O recurso de gateway auto-hospedado do Gerenciamento de API agora está em disponibilidade geral

Data da publicação: 29 abril, 2020

Ele fornece novas opções de implantação e expande o suporte ao Gerenciamento de API para ambientes híbridos e de várias nuvens, que são comuns entre clientes corporativos.  Com o gateway auto-hospedado, os clientes podem reduzir os custos e aumentar a eficiência operacional ao consolidar o gerenciamento e a observabilidade de todas as suas APIs, hospedadas no Azure, no local e em outras nuvens, em um único serviço de Gerenciamento de API sem comprometer a latência, a segurança, a privacidade e a conformidade.

O gateway auto-hospedado é uma versão funcionalmente equivalente do componente de gateway de Gerenciamento de API usado na nuvem do Azure, empacotado como uma imagem de contêiner do Docker baseada em Linux. Os clientes podem colocalizar gateways auto-hospedados com as implementações de API, executando-os no Docker para avaliação ou desenvolvimento ou executando-os no Kubernetes em produção. O gateway auto-hospedado se vincula e se baseia em um serviço de Gerenciamento de API para fins de gerenciamento. Ele emite logs e métricas para o Azure e também pode ser configurado para emiti-los localmente. O gateway auto-hospedado requer conectividade com o Azure, mas é resiliente à perda intermitente de conexão.

Para obter mais informações sobre o gateway auto-hospedado, veja este artigo de visão geral.

É fácil começar a usar o gateway auto-hospedado. Siga estas instruções para experimentá-lo no Docker e estas para experimentá-lo no Kubernetes.

Veja mais informações sobre disponibilidade e preços

  • Gerenciamento de API
  • Features
  • Services

Produtos relacionados