JÁ DISPONÍVEL

A funcionalidade de gateway autoalojado da Gestão de API está agora disponível em geral

Data de publicação: 29 abril, 2020

Oferece novas opções de implementação e expande o suporte de Gestão de API para ambientes híbridos e com várias clouds que são comuns entre os clientes empresariais.  Com o gateway autoalojado, os clientes podem reduzir os custos e aumentar a eficiência operacional através da consolidação da gestão e observabilidade de todas as suas APIs, alojadas no Azure, no local e noutras clouds, num único serviço de Gestão de API sem comprometer a latência, segurança, privacidade ou conformidade.

O gateway autoalojado é uma versão funcionalmente equivalente do componente de gateway da Gestão de API utilizado na cloud do Azure, compactado como uma imagem de contentor do Docker baseada em Linux. Os clientes podem colocalizar os gateways autoalojados com as implementações da API, executando-os no Docker para avaliação ou desenvolvimento ou no Kubernetes em produção. O gateway autoalojado liga-se e depende de um serviço de Gestão de API para gestão. Emite registos e métricas para o Azure e também pode ser configurado para os emitir localmente. O gateway autoalojado exige conectividade com o Azure, mas é resiliente à perda intermitente de ligação.

Para obter mais informações sobre o gateway autoalojado, consulte este artigo de descrição geral.

É fácil começar a utilizar o gateway autoalojado. Siga as instruções indicadas aqui para experimentar no Docker e aqui para experimentar no Kubernetes.

Ver mais informações sobre disponibilidade e preços

  • Gestão de API
  • Features
  • Services

Produtos Relacionados