JÁ DISPONÍVEL

Atualização da Gestão de API do Azure: outubro de 2019, #2

Data de publicação: 28 outubro, 2019

Iniciámos uma atualização de serviço normal da Gestão de API do Azure a 25 de outubro de 2019 que incluiu as seguintes novas funcionalidades, correções de erros, alterações e melhorias. Implementamos atualizações gradualmente e estas demoram mais do que uma semana até que todas as instâncias de serviço ativas da Gestão de API as recebam.

Novo

  • Agora é possível criar tipos de conteúdo personalizados no novo portal do programador. Os nomes dos tipos de conteúdo personalizados têm de começar com o prefixo c-. A documentação no repositório do GitHub do portal será atualizada brevemente.

Fixo

  • Quando um serviço de escalão de consumo com um domínio personalizado é suspenso e, depois, reativado, este mantém as definições do certificado e do domínio. Esta correção aplica-se apenas a serviços criados a partir de agora.
  • Os pedidos cancelados devido à desconexão dos clientes já não são reportados como falhas de desconexão do back-end.
  • Os pedidos que falharam devido a um código de resposta HTTP de back-end inválido já não são reportados como falhas de erro de gateway internas.

Alterado

  • Agora, é possível utilizar a chamada à API do estado de rede para monitorizar a conectividade da cache local e das unidades de Gestão de API numa região.
  • A política redirect-content-urls respeita agora o identificador de versão da API no caminho do URL.
  • Ativar a conectividade da VNET para contas de armazenamento adicionais já não é necessário para a versão gerida do novo portal do programador. A documentação será atualizada brevemente.

O novo portal do programador (em pré-visualização) segue um ciclo de vida de versão independente, sendo que o registo de alterações por versão está disponível no GitHub.

 

 

  • Gestão de API
  • Features

Produtos Relacionados