Ignorar Navegação
JÁ DISPONÍVEL

A expansão de disco ao nível da Máquina Virtual (VM) está agora em disponibilidade geral em mais tipos de VM

Data de publicação: 06 julho, 2021

A expansão de disco ao nível da máquina virtual está agora ativada para as nossas famílias de VM das séries Dsv4, Dasv4, Ddsv4, Esv4, Easv4, Edsv4, Fsv2 e B, o que permite que a sua máquina virtual expanda a taxa de E/S do disco e o desempenho do débito de MiB/s por um curto período de tempo diariamente. Desta forma, as suas VMs podem lidar com picos de tráfego imprevistos do disco facilmente e processar trabalhos de lote com velocidade. Não existem custos adicionais associados a esta capacidade nova nem ajustes aos preços das VMs e vem ativada por predefinição.

Alguns cenários de exemplo em que a expansão é útil:

  • Melhorar os tempos de arranque – Como a sua máquina virtual e os seus discos podem expandir-se e vêm totalmente aprovisionados com créditos de expansão desde o início, a sua instância conseguirá arrancar a uma velocidade muito mais rápida do que antes.
  • Processar trabalhos de lote – As cargas de trabalho de algumas aplicações são cíclicas por natureza e exigem um desempenho de linha de base durante a maior parte do tempo e um desempenho mais elevado durante breves períodos de tempo. Por exemplo, um programa de contabilidade que processa transações diárias requer, normalmente, uma pequena quantidade de tráfego do disco, mas precisa de uma maior quantidade de tráfego do disco para reconciliar os relatórios de fim do mês.
  • Preparação para picos de tráfego – Os servidores Web e respetivas aplicações podem ser sujeitos a um pico de tráfego devido a circunstâncias imprevistas. Com a expansão das máquinas virtuais e dos discos a apoiá-los, os servidores Web irão processar os picos de tráfego e melhorar a experiência do cliente ao reduzir os tempos de carregamento em condições de grande tensão.  

Saiba mais.

  • Armazenamento de Discos do Azure
  • Managed Disks
  • Features

Produtos Relacionados