Ignorar Navegação

Azure Chaos Studio

Melhore a resiliência das aplicações ao introduzir falhas e simular indisponibilidades

Uma plataforma de experimentação para melhorar a resiliência de aplicações

Melhore a resiliência das aplicações com testes de caos ao introduzir deliberadamente falhas que simulam interrupções do mundo real. A Pré-visualização do Azure Chaos Studio é uma plataforma de experimentação de engenharia de caos totalmente gerida para acelerar a descoberta de problemas difíceis de encontrar, desde o desenvolvimento de fase avançada até à produção. Interrompa as suas aplicações intencionalmente para identificar lacunas e planear mitigações antes que os seus clientes sejam afetados por um problema.

Explore os benefícios do Azure Chaos Studio

Sujeite as suas aplicações do Azure a falhas reais ou simuladas

Observe como as suas aplicações respondem a interrupções do mundo real

Integre experimentações de caos em qualquer fase de validação de qualidade

Utilize as mesmas ferramentas dos engenheiros da Microsoft para criar resiliência de serviços cloud

Melhore a fiabilidade das suas aplicações do Azure

Experimente ao sujeitar as suas aplicações do Azure a falhas reais ou simuladas de forma controlada para compreender melhor a resiliência das aplicações. Observe como as suas aplicações irão responder a interrupções do mundo real, como a latência de rede, uma interrupção inesperada do armazenamento, segredos a expirar ou até mesmo uma indisponibilidade total do datacenter.

Experimente de acordo com os seus próprios termos

Valide a qualidade do produto onde e quando faz sentido para a sua organização. Utilize a biblioteca de falhas em expansão contínua, que inclui a pressão da CPU, latência de rede, acesso a recursos bloqueados e até interrupções de infraestrutura. Impulsione a resiliência das aplicações ao realizar testes ad-hoc, integrações com o seu pipeline CI/CD ou faça ambos para monitorizar a qualidade de produção através da validação contínua.

Obtenha informações sem a confusão inicial

Evite a necessidade de gerir ferramentas e scripts enquanto passa mais tempo a aprender sobre a resiliência da sua aplicação. Comece rapidamente com modelos de experimentação e uma biblioteca em expansão de falhas—incluindo falhas baseadas em agentes que perturbam os recursos e falhas baseadas no serviço que interrompem os recursos no plano de controlo.

Vá além da injeção de falhas com a validação de fiabilidade

Melhore a fiabilidade das aplicações ao implementar uma estratégia coesa para tomar decisões informadas antes, durante e após experimentações de caos. Integre testes de carga nas suas experimentações de caos para simular o tráfego dos clientes do mundo real. Interrompa as suas aplicações intencionalmente para identificar lacunas e planear mitigações antes que os seus clientes sejam afetados por um problema.

Segurança e conformidade abrangentes, integradas

  • A Microsoft investe mais de USD 1 mil milhões anualmente em investigação e desenvolvimento da cibersegurança.

  • Empregamos mais de 3,500 especialistas em segurança dedicados à segurança e privacidade dos dados.

  • O Azure tem mais certificações do que qualquer outro fornecedor de cloud. Veja a lista completa.

Preços do Chaos Studio

A Pré-visualização do Chaos Studio não tem custos ou taxas iniciais. Utilize o crédito pré-pago baseado em execução de experimentações—as experimentações de engenharia de caos são cobradas com base na período de tempo que as suas ações de experimentação são executadas em cada destino ou recurso.

Recursos e documentação do Chaos Studio

Comece a utilizar com os recursos de aprendizagem

Perguntas frequentes sobre o Azure Chaos Studio

  • A engenharia de caos é a prática de sujeitar aplicações e serviços a pressões e falhas do mundo real para criar e validar a resiliência a condições não fiáveis e dependências em falta.
  • O Chaos Studio tem uma biblioteca crescente de falhas.

    Consultar a lista atual.

  • As experimentações de caos requerem permissão granular explícita para injetar falhas nos recursos.

Começar a melhorar a resiliência das aplicações

Como podemos ajudá-lo?