Ignorar Navegação

Preços de Hub IoT

Ligue, monitorize e controle milhões de recursos da IoT

Ligue, monitorize e controle milhões de recursos de IoT em execução num vasto leque de sistemas operativos e protocolos para impulsionar o seu projeto de Internet das Coisas com o Hub IoT. Melhore a segurança das suas soluções de IoT através da autenticação por dispositivo para comunicar com os dispositivos com as credenciais apropriadas. Estabeleça com segurança uma comunicação bidirecional fiável com estes recursos, mesmo que estejam ligados de modo intermitente, para analisar a telemetria recebida, sincronizar fluxos de trabalho de gestão de dispositivos e enviar comandos e notificações conforme necessário.

Preços

Escalão Basic

Tipo de Edição Preço por unidade (por mês) Número total de Mensagens/dia por unidade Tamanho do medidor da mensagem
B1 $- 400 000 4 KB
B2 $- 6 000 000 4 KB
B3 $- 300 000 000 4 KB

Escalão Standard

Tipo de Edição Preço por unidade (por mês) Número total de Mensagens/dia por unidade Tamanho do medidor da mensagem
Gratuito Gratuito 8 000 0,5 KB
S1 $- 400 000 4 KB
S2 $- 6 000 000 4 KB
S3 $- 300 000 000 4 KB

Para obter mais informações sobre as capacidades suportadas nos escalões básico e standard, veja como escolher o escalão certo do Hub IoT.

Funcionalidade Básico Standard
Telemetria dispositivo para cloud Disponível Disponível
Identidade por dispositivo Disponível Disponível
Encaminhamento de Mensagens, Integração do Event Grid Disponível Disponível
Protocolos HTTP, AMQP e MQTT Disponível Disponível
Suporte DPS Disponível Disponível
Monitorização e diagnóstico Disponível Disponível
Mensagens cloud para dispositivo Não disponível Disponível
Gestão de Dispositivos, Dispositivo Duplo, Módulo Duplo Não disponível Disponível
IoT Edge Não disponível Disponível

Serviço Aprovisionamento de Dispositivos no Hub IoT do Azure

O serviço Aprovisionamento de Dispositivos no Hub IoT do Azure permite o aprovisionamento sem toque no Hub IoT certo sem que seja necessária intervenção humana, possibilitando aos clientes aprovisionar milhares de dispositivos de forma segura e dimensionável. Proporciona suporte de ciclo de vida dos dispositivos e capacidades importantes, o que, em conjunto com a gestão de dispositivos Hub IoT, ajuda os clientes a lidar com todas as fases do ciclo de vida dos dispositivos de IoT.

Escalão Preço
S1

Preço da Disponibilidade Geral: $- por 1 000 operações

Os preços acima são refletidos na disponibilidade geral e entram em vigor a 1 de fevereiro de 2018. A utilização anterior a 31 de janeiro de 2018 é faturada aos preços de pré-visualização.

Suporte e SLA

  • Faturação gratuita e suporte à gestão da subscrição.
  • Planos de apoio flexíveis a partir de $29/mês. Encontre um plano.
  • Ligação 99,9% garantida. Ler o SLA

FAQ

  • A Edição Gratuita do Hub IoT destina-se a motivar projetos com prova de conceito. Permite-lhe transmitir um total de 8000 mensagens por dia e registar até 500 identidades de dispositivos. O limite de identidades de dispositivos só é aplicável à Edição Gratuita.

  • Cada escalão tem um limite diário de mensagens, o qual, quando ultrapassado, origina limitação. Consulte a documentação sobre limitação para obter mais detalhes. Se precisar de alterar, pode ajustar as unidades no Hub IoT. Também pode alterar o tipo de unidade num escalão (por exemplo, de S1 para S2) ou atualizar para um escalão mais elevado (por exemplo, de B1 para S2). Se prevê utilizar mais de 200 unidades dos SKUs S1 e S2 do Hub IoT e dos SKUs B1 e B2 do Hub IoT ou mais de 10 unidades dos SKUs B3 ou S3 do Hub IoT, contacte o Suporte da Microsoft.

  • O tamanho máximo das mensagens enviadas a partir de dispositivos para a cloud é 256 KB. Estas mensagens são limitadas em blocos de 4 KB nos escalões pagos. Ou seja, se um dispositivo enviar uma mensagem de 16 KB através dos escalões pagos, esta será cobrada como quatro mensagens. As mensagens enviadas pelos dispositivos ligados através da edição gratuita são limitadas em blocos de 0,5 KB. Por exemplo, se o dispositivo enviar uma mensagem de 16 KB através do escalão gratuito do Hub IoT, esta será cobrada como 32 mensagens.

    O tamanho máximo de cada mensagem enviada da cloud para um dispositivo é de 64 KB, limitada em blocos de 4 KB para os escalões pagos. Ou seja, uma mensagem de 8 KB enviada através dos escalões pagos seria cobrada como duas mensagens. As mensagens enviadas através da edição gratuita são limitadas em blocos de 0,5 KB. Por exemplo, uma mensagem de 8 KB enviada através do escalão gratuito do Hub IoT será cobrada como 16 mensagens.

  • Apenas as mensagens que iniciam um novo carregamento e fornecem notificação de um carregamento concluído são contabilizadas na alocação de mensagens diária. Os clientes devem fornecer as próprias contas de armazenamento e pagar pelo armazenamento. Não existe cobrança separada para carregamento de ficheiros. Por exemplo, num cenário de carregamento de ficheiros típico, há apenas duas mensagens: a mensagem que indica que o carregamento do ficheiro foi iniciado e a mensagem que indica que o carregamento do ficheiro foi concluído. Os clientes podem escolhes enviar dados adicionais na descrição de estado durante as notificações de um carregamento falhado. Veja a documentação do Hub IoT para obter detalhes adicionais sobre a funcionalidade de carregamento de ficheiros.

  • A funcionalidade de carregamento de ficheiros do Hub IoT segue os limites de carregamento que o Armazenamento do Azure utiliza.

  • Os gémeos de dispositivo contêm informações de estado do dispositivo (metadados, configurações e condições) e são armazenados como documentos JSON. Os gémeos podem ser modificados pelas suas aplicações na cloud e aplicações de dispositivo, além de que suportam uma linguagem de consulta avançada. Os dispositivos duplos são elementos primários fundamentais da Gestão de Dispositivos do Hub IoT e podem ser acedidos através de várias operações, como leituras, escritas e consultas. Além disso, um dispositivo duplo partilhado entre componentes de gestão de dispositivos diferentes, praticamente sem isolamento entre os componentes. Com a introdução da identidade de módulos e o módulo duplo, um programador de IoT pode trabalhar de maneira independente, para que os outros não tenham de acesso ao respetivo conteúdo duplo. Cada componente no dispositivo pode trabalhar de maneira isolada.

  • As leituras, escritas e consultas de gémeos estão disponíveis apenas no escalão standard e são limitadas em blocos de 0,5 KB relativamente ao tamanho, respetivamente, do gémeo devolvido, da atualização e do resultado da consulta. Por exemplo, a leitura de um gémeo de 4 KB é cobrado como oito mensagens, a atualização de um gémeo com um payload de 1 KB é cobrada como duas mensagens e as consultas a gémeos com um resultado de 10 KB são cobradas como 20 mensagens. Todas as restantes mensagens são cobradas em blocos de 4 KB relativamente a escalões pagos (S1, S2, S3) e 0,5 KB para o escalão gratuito.

  • Os métodos diretos estão disponíveis apenas no escalão standard e são comunicações de pedido/resposta iniciadas pela cloud. A cloud recebe uma resposta imediata do dispositivo. Tanto os pedidos como as respostas podem ter um máximo de 8 KB, sendo limitados em blocos de 4 KB relativamente aos escalões pagos (por exemplo, S1, S2 e S3). Desta forma, um pedido de 8 KB enviado através dos escalões S1, S2 ou S3 seria cobrado como duas mensagens. Os pedidos enviados através do escalão gratuito são limitados em blocos de 0,5 KB. Por exemplo, uma mensagem de 8 KB enviada através do escalão gratuito do Hub IoT será cobrada como 16 mensagens.

  • As tarefas permitem iniciar ou agendar a execução de escritas de gémeos e métodos diretos em grandes conjuntos de dispositivos. As operações das tarefas não são cobradas, mas as escritas de gémeos e invocações de métodos resultantes são cobradas conforme explicado acima

  • O consumo das unidades do Hub IoT é medido diariamente e a cobrança é gerada mensalmente. Aquilo que é faturado aos clientes baseia-se no número de unidades do Hub IoT consumidas durante o mês.

  • Pode optar por aumentar o número de unidades do Hub IoT em qualquer altura. Se se inscrever no serviço a meio do mês, a fatura mensal será rateada com base no número restante de dias do mês. (Para o efeito do serviço Hub IoT, o mês é definido como tendo 31 dias). Se aumentar o número de unidades do Hub IoT a meio do mês, a fatura mensal terá por base o número de unidades disponíveis em cada dia do mês.

  • Sim, pode reduzir o número de unidades na página Definições em qualquer altura. As alterações entrarão em vigor no dia seguinte e refletir-se-ão na sua fatura no final do mês.

  • Não, não pode passar da edição Gratuita para uma das edições pagas. A edição gratuita serve apenas para o teste de soluções em prova de conceito.

  • Pode cancelar a subscrição do Hub IoT a partir do Portal de Gestão do Azure.

  • As funcionalidades de gestão de dispositivos estão incluídas como parte do Hub IoT. As mensagens de gestão de dispositivos são medidas como qualquer outra mensagem de telemetria no Hub IoT.

  • O serviço Aprovisionamento de Dispositivos no Hub IoT é cobrado por número de operações. As operações incluem o registo de dispositivos e novos registos, bem como alterações do lado do serviço, como adicionar e atualizar entradas de listas de inscrição e operações de obtenção/consulta. A cada período de seis meses de inatividade numa determinada entrada de inscrição é aplicada uma operação "keep-alive".

  • Sim, tem de trocar explicitamente de uma edição paga para outra. A identidade do dispositivo e todas as mensagens são passadas para a nova edição. Se um cliente quiser passar de um escalão mais elevado para um escalão mais baixo, como, por exemplo, de S2 para S1, e tiver consumido mais mensagens do que o S1 permite por dia, nesse dia, o cliente será faturado como S2 e o S1 começa a ser-lhe cobrado no dia seguinte.

  • Sim, tem de trocar explicitamente de uma edição paga para outra. A identidade do dispositivo e todas as mensagens são passadas para a nova edição. Se um cliente quiser passar de um escalão mais elevado para um escalão mais baixo, como, por exemplo, de B2 para B1, e tiver consumido mais mensagens do que o B1 permite por dia, então, nesse dia, o cliente será faturado como B2 e o B1 começa a ser-lhe cobrado no dia seguinte.

  • Sim, pode atualizar do escalão básico para o standard no Portal do Azure, mas não pode mudar do escalão standard para o básico. Para passar do escalão standard para o básico, terá de criar um novo escalão básico do Hub IoT e de registar novamente os seus dispositivos nesse hub IoT.

Recursos

Calcule o custo mensal dos serviços do Azure

Reveja as perguntas mais frequentes sobre os preços do Azure

Obter mais informações sobre Hub IoT

Reveja tutoriais técnicos, vídeos e outros recursos

Adicionar à estimativa. Prima "v" para ver na calculadora Ver na calculadora

Aprender e criar com um crédito de $200, e continuar gratuitamente

Conta gratuita