Ignorar Navegação

O que é a IoT?

A IoT engloba o seu equipamento, as máquinas, os produtos e os dispositivos que se encontram ligados à cloud e estão equipados para recolher e transmitir dados em segurança.

O que é a Internet das Coisas (IoT) e que contributo pode dar ao seu negócio?

A IoT permite que a sua organização analise a tome medidas com base nos dados, o que lhe permite tomar decisões inteligentes em tempo real. Com as informações atempadas e relevantes sobre o negócio e os clientes associadas a estas novas origens de dados, há um enorme potencial para todos os setores, incluindo os da produção, dos transportes, da energia, da agricultura, do retalho e da administração pública, operarem com maior eficiência e fornecerem novo valor aos clientes mediante a implementação da solução de IoT certa.

Para que serve a Internet das Coisas?

Em poucas palavras, a IoT permite-lhe resolver os problemas do seu negócio com os seus próprios dados. A Internet das Coisas não se resume aos dispositivos ligados. Tem que ver com as informações que esses dispositivos recolhem e os dados valiosos e imediatos que podem ser gerados a partir dessas informações. Estes dados podem ser utilizados para transformar o seu negócio e reduzir os custos através de melhorias como a redução dos materiais desperdiçados, processos operacionais e mecânicos uniformizados ou expansão para novas linhas de negócio que só é possível com dados em tempo real fiáveis. Cria uma vantagem competitiva real ao utilizar a IoT para transformar os seus dados em informações e essas informações em ações.

Quais são alguns exemplos de IoT?

Monitorização remota

Monitorizar praticamente qualquer tipo de recurso, incluindo maquinaria pesada, veículos e até mesmo animais, em quase toda a parte, de forma contínua ou em intervalos regulares. Ao monitorizar a localização, o desempenho, as condições ou os fatores ambientais, obtém informações de elementos ligados à IoT que o podem ajudar a:

  • Reduzir os custos de serviço e otimizar os processos de negócio.
  • Compreender o nível de desempenho dos seus produtos para proporcionar uma melhor experiência aos seus clientes.
  • Aumentar o número de compromissos por dia, cortar nos custos de combustível e reduzir o desgaste ao utilizar capacidades de aprendizagem automática para traçar itinerários de veículos ou transporte de mercadorias com maior eficácia.

Determinar a localização dos seus recursos em cada momento, incluindo o veículo em que se encontram, tendo em vista a melhoria do serviço em campo, uma segurança mais sólida e uma maior segurança dos empregados.

Saiba mais sobre a monitorização remota

Manutenção preditiva

À semelhança da monitorização remota, a manutenção preditiva incorpora software de aprendizagem automática que analisa os dados de modo a prever resultados e automatizar ações. As capacidades preditivas permitem que os fornecedores de serviços transcendam o tradicional modelo de negócio de manutenção agendada e reativa e utilizar os dados para identificar problemas antes de estes se tornarem críticos. Desta forma, os técnicos podem intervir antes de os clientes sequer se aperceberem de que existe um problema. Munido destas informações, pode:

  • Determinar as condições mecânicas ou operacionais que estão na origem das falhas ou dos abrandamentos.
  • Preveja com maior exatidão quais são as peças sobressalentes a manter em inventário antes de os problemas de reparação surgirem.
  • Deixar para trás um modelo de negócio baseado na premissa avaria/reparação ao prevenir as falhas de equipamento através de uma manutenção preventiva.

Saiba mais sobre a manutenção preditiva

Gestão de instalações

Este cenário de IoT incide sobre a monitorização dos seus edifícios, infraestrutura e outros espaços, possibilitando a melhoria da eficiência energética, utilização do espaço, produtividade e segurança com a utilização dos dados que recolheu. As informações obtidas podem ajudar a:

  • Poupar dinheiro através da automatização da iluminação ou otimização dos ciclos de aquecimento e arrefecimento.
  • Aumentar a satisfação dos empregados ou ocupantes ao manter o equipamento em funcionamento ou assegurar a existência de consumíveis em quantidade suficiente.

Eficiência na produção

Para que é utilizada a Internet das Coisas no fabrico? Cada empresa tem características que a diferenciam das outras, no entanto, muitos processos de produção partilham um percurso comum desde os materiais em bruto aos produtos acabados. Com a IoT, é possível aprender com os seus próprios sistemas e desvendar novas formas de gerir os seus processos e a qualidade dos produtos com dados provenientes dos seus dispositivos e sensores. Com as informações destes dados, pode:

  • Identifique estrangulamentos que reduzem a eficiência, o que lhe permite melhorar o processo.
  • Reduza o período de indisponibilidade causado por manutenções não planeadas ou falhas de equipamento.
  • Eliminar materiais de qualidade inferior, peças ou erros antes de o produto ser terminado.
  • Melhore a gestão dos materiais e do inventário para que tenha sempre o que precisa prontamente disponível.

Produtos ligados

Os produtos ligados têm componentes de ligação inteligentes que permitem a troca de dados entre o produto e o respetivo utilizador, fabricante ou ambiente. As soluções de IoT relacionadas podem ajudar a criar fábricas inteligentes com funcionalidade nova, maior fiabilidade e utilização mais acentuada do produto. A utilização de produtos ligados permite-lhe:

  • Simplifique o desenvolvimento e a manutenção dos seus produtos.
  • Proporcionar experiências de ligação mais seguras aos seus clientes.
  • Criar novas linhas de negócio com suporte e serviço geridos.
  • Monitorizar o desempenho dos produtos de modo a melhorar a conceção, o fabrico e a fiabilidade.

Saiba como criar uma solução de fábrica inteligente

Quais são as vantagens da IoT?

As organizações que investem na Internet das Coisas estão aptas a fornecer mais valor, incluindo uma interação mais personalizada com os clientes, um menor desperdício de materiais e mão de obra, e uma maior eficiência operacional. À medida que os dados vão sendo recolhidos e analisados, há sempre a hipótese de as novas tendências revelarem novas oportunidades de receitas. Devido a estas vantagens, as tendências indicam que a utilização da IoT se está a diversificar rapidamente e a tornar mais generalizada.

dos decisores de IoT inquiridos:

91%

adotaram a IoT em 2020

90%

acreditam que a IoT é fundamental para o sucesso contínuo da sua empresa

64%

planeiam implementar ainda mais IoT no futuro

Introdução à IoT

Quer a sua empresa tenha os recursos para planear e implementar uma solução de IoT pelos seus próprios meios ou necessite de colaborar com um parceiro, os passos básicos para uma implementação de IoT bem-sucedida são normalmente os mesmos:

Defina casos de negócio de Internet das Coisas.

Trabalhe com uma equipa capacitada que representa a TO, as TI e a administração.

Comece numa escala mais pequena, aumentando gradualmente as suas metas em termos de âmbito e complexidade depois de alcançar o sucesso inicial.

Defina casos de negócio de Internet das Coisas

Repense o modelo de negócio com capacidade de IoT que tem em vigor ou desenvolva um novo modelo que se coadune melhor com a forma como interage com os seus clientes.

Comece pequeno, mas pense em grande

Obtenha novas informações de negócio com o equipamento que já tem e a solução de IoT certa. Comece pequeno, cresça ao seu ritmo e expanda o seu negócio com serviços de IoT seguros e inovadores.

Acelerar a transformação do seu negócio com a IoT

Reduza a complexidade, baixe os custos e acelere o tempo de lançamento no mercado com serviços de IoT totalmente geridos.

Levar as soluções de IoT do dispositivo para a cloud

Crie de acordo com as suas necessidades com soluções para dispositivos, no edge, na cloud e ligadas aos seus sistemas de linha de negócio. A computação edge permite que os dados sejam processados mais próximo do respetivo ponto de geração, o que lhe permite analisar os dados em questão quase em tempo real. A computação na cloud é um modelo no qual os servidores, as aplicações, os dados e outros recursos são integrados e fornecidos como um serviço através da Internet. Saiba mais sobre a computação na cloud.

Descobrir as informações de IoT certas para o seu negócio

Extraia informações de volumes massivos de dados com a análise da cloud de modo a que estejam imediatamente disponíveis e sejam facilmente categorizadas. Utilize estas informações para compreender melhor o nível de desempenho dos seus produtos ou serviços. Incorpore a análise da cloud através da utilização de serviços de IoT totalmente geridos que fornecem informações mais detalhadas para promover uma tomada de decisões mais rápida.

Saiba mais sobre as tecnologias e protocolos de IoT

Desenvolva uma base sólida em IoT para tomar as melhores decisões para o seu projeto. Saiba mais sobre as tecnologias e os protocolos de IoT.

Proteja as suas soluções IoT

O que é a segurança da Internet das Coisas e em que difere da cibersegurança normal? Resumindo, a cibersegurança de IoT adiciona uma camada extra de complexidade no ponto em que os mundos cibernético e físico convergem. Por esse motivo, é importante monitorizar tudo o que estiver ligado à sua solução IoT e garantir que tem a monitorização de ameaças em vigor para receber alertas e lidar com as ameaças rapidamente. Saiba mais sobre a segurança do Azure IoT.

Perguntas mais frequentes

  • Sucintamente, a Internet das Coisas refere-se a toda a rede de dispositivos físicos, ferramentas, aplicações, equipamentos, maquinaria e outros objetos inteligentes que têm a capacidade de recolher dados sobre o mundo físico e de os transmitir através da Internet.
  • Num nível básico, a IoT é utilizada para recolher dados sobre o mundo físico que os humanos teriam muita dificuldade em recolher sem a ajuda de dispositivos inteligentes e sistemas de monitorização. As informações derivadas dos dados recolhidos por esses dispositivos permitem-nos compreender, monitorizar e reagir a eventos ou alterações.
  • Os dispositivos de Internet das Coisas assumem diferentes formas e são utilizados para muitas coisas distintas, desde ajudar pessoas a fazer tarefas do dia a dia, a ajudar empresas grandes a uniformizar operações e atingir os objetivos comerciais Objetos como aplicações inteligentes, luzes inteligentes e trancas de porta inteligentes são exemplos de IoT que podem ser encontrados nas nossas casas. Os exemplos de dispositivos IoT comerciais e industriais incluem coisas como equipamentos inteligentes de fábricas ou pecuária, veículos inteligentes e até mesmo fábricas, armazéns e edifícios totalmente ligados.

Explore as soluções do Azure IoT por indústria

Veja casos de utilização e exemplos de Internet das Coisas por indústria

Descubra os serviços do Azure IoT

Trabalhar com um líder de IoT de confiança

Introdução ao Azure IoT