Ignorar Navegação

Armazenamento de Tabelas

Um armazenamento de chave-valor NoSQL para desenvolvimento rápido, utilizando conjuntos de dados semi-estruturados maciços

Clientes que utilizam o Armazenamento de tabelas

Armazenar petabytes de dados estruturados

Utilize o Armazenamento de Tabelas do Azure para armazenar petabytes de dados semiestruturados e manter os custos baixos. Ao contrário de muitos arquivos de dados — no local ou com base na cloud —, o Armazenamento de Tabelas permite-lhe aumentar verticalmente sem ter de dividir manualmente o seu conjunto de dados. A disponibilidade também não constitui um problema. Através do armazenamento georredundante, os dados armazenados são replicados três vezes dentro da mesma região — e outras três vezes noutra região, a centenas de quilómetros de distância.

Armazenar petabytes de dados estruturados

Suporta esquemas de dados flexíveis

O Armazenamento de Tabelas é excelente para conjuntos de dados flexíveis — dados de utilizadores de aplicações Web, livros de endereços, informações de dispositivos e outros metadados — e permite-lhe criar aplicações na cloud sem limitar o modelo de dados a determinados esquemas. Uma vez que linhas diferentes numa mesma tabela podem ter uma estrutura diferente — por exemplo, informações das encomendas numa linha, informações dos clientes noutra—, pode desenvolver a sua aplicação e o esquema da tabela sem a colocar offline.

Suporta esquemas de dados flexíveis

Feito para empresas

O Armazenamento de tabelas adota um modelo de consistência forte. Quando os dados são inseridos ou atualizados no Armazenamento de tabelas, todos os acessos posteriores a esses dados irão ver a atualização mais recente. Isto é fundamental para sistemas com vários utilizadores que atualizam arquivos de dados em simultâneo.

Feito para empresas

Concebido para programadores

O Armazenamento do Azure dispõe de bibliotecas de cliente avançadas para criar aplicações com .NET, Java, Android, C++, Node.js, PHP, Ruby e Python. As bibliotecas de cliente oferecem capacidades avançadas para o Armazenamento de tabelas, incluindo o suporte OData para funções de consulta e bloqueio otimista. Os dados no Armazenamento do Azure também podem ser acedidos através da API REST, que pode ser chamada por qualquer linguagem que faça pedidos HTTP/HTTPS.

Começar a utilizar o Armazenamento de tabelas