Trace Id is missing
Avançar para o conteúdo principal

O que é a multicloud?

A multicloud é a prática de utilizar os serviços de vários fornecedores de cloud para otimizar o desempenho da carga de trabalho, aumentar a flexibilidade e mitigar os riscos de depender de qualquer fornecedor.

Adotar uma estratégia de multicloud implica a escolha manual de serviços cloud de mais do que um fornecedor de cloud para melhor atender às suas necessidades de negócios únicas e realizar tarefas específicas. Estes fornecedores de serviços cloud podem incluir gigantes do sector, como o Microsoft Azure, bem como pequenos fornecedores de serviços cloud regionais ou especializados.  

A utilização simultânea de várias plataformas de cloud dá-lhe acesso a mais opções de infraestrutura de cloud e soluções, localizações geográficas de serviços, modelos de preços e inovações tecnológicas. Personalizar o seu portfólio de cloud desta forma permite-lhe tirar partido dos pontos fortes de diferentes fornecedores para maximizar os benefícios da cloud, incluindo dimensionamento melhorado, flexibilidade, agilidade e segurança. 

Além disso, uma abordagem multicloud fornece redundância e ajuda a garantir a resiliência, distribuindo as suas cargas de trabalho pelas clouds de vários fornecedores. Isto ajuda a reduzir o impacto de quaisquer potenciais falhas ou interrupções de serviço que possam surgir de um único fornecedor.


Multicloud vs. cloud híbrida 

Para compreender como a multicloud difere da híbrida na computação na cloud, primeiro tem de compreender a diferença entre clouds públicas, clouds privadas e clouds híbridas:

Cloud públicaNum modelo de computação em cloud pública, uma organização obtém serviços de cloud através da Internet de um fornecedor de cloud de terceiros, muitas vezes numa base de pagamento por utilização. Os fornecedores de serviços cloud de terceiros oferecem produtos e serviços, incluindo armazenamento, rede, dados, análise, desenvolvimento de aplicações, contentores e soluções de IA, a múltiplos clientes ao mesmo tempo. Este modelo de cloud é por vezes referido como cloud multi-inquilino devido ao facto de o fornecedor de cloud alojar recursos que são utilizados por vários clientes.  

Cloud privada. Uma cloud privada consiste em recursos e infraestruturas de cloud dedicados que são exclusivamente entregues a uma única organização. Os serviços de computação na cloud privada podem ser fornecidos através da Internet ou no local através da rede interna privada de uma organização. Uma cloud privada pode dar a uma organização um maior controlo, personalização e segurança do que uma cloud pública. Uma desvantagem das clouds privadas é que podem exigir mais recursos de TI internos para gerir e manter do que as clouds públicas.

Cloud híbrida. Este tipo de computação na cloud combina a cloud privada no local de uma organização com as ofertas de cloud pública de um fornecedor de terceiros. Numa cloud híbrida, os dados e as aplicações de uma organização podem viajar consistentemente entre os seus ambientes de cloud privada e pública. Muitas vezes, as organizações optam por uma abordagem de cloud híbrida para maximizar o desempenho e o valor dos seus investimentos em TI no local.

Em suma, as clouds híbridas consistem em múltiplos ambientes na cloud, normalmente uma combinação de clouds privadas e públicas que permitem a partilha de dados e aplicações entre elas. Por outro lado, os ambientes multicloud envolvem uma organização que utiliza os serviços cloud de vários fornecedores de cloud pública. 

Por exemplo, uma empresa de retalho que utilize uma estratégia multicloud pode escolher os serviços de um fornecedor de serviços de cloud para processar um maior volume de transações durante as épocas de pico de vendas, os serviços de IA de outro fornecedor para fazer recomendações personalizadas aos clientes e as ferramentas de análise de dados de um terceiro fornecedor para gerir o inventário. Ao selecionar os melhores serviços cloud de vários fornecedores, o revendedor aumenta a sua agilidade, otimiza as operações e proporciona uma melhor experiência ao cliente. 

Numa abordagem multicloud, os serviços cloud oferecidos por diferentes fornecedores podem não estar integrados entre si, o que pode exigir supervisão adicional da sua parte. No entanto, como verá na secção seguinte, as vantagens de escolher serviços cloud de fornecedores diferentes para se adequar às suas necessidades específicas podem tornar a multicloud uma estratégia que vale a pena.

 

Vantagens e desafios da multicloud 

Como qualquer investimento em TI, existem prós e contras na adoção de uma estratégia multicloud. Vamos ver primeiro as vantagens de utilizar plataformas multicloud:  

 

  • Eliminação da dependência do fornecedor. Ao diversificar entre vários fornecedores, as organizações reduzem o risco de ficarem dependentes dos serviços e preços de um único fornecedor. Isto dá às organizações outras opções se as ofertas de um fornecedor diminuírem de qualidade ou deixarem de satisfazer as suas necessidades comerciais ou o seu orçamento.
  • Maior fiabilidade e redundância. Distribuir as suas cargas de trabalho por clouds ativas por mais do que um fornecedor ajuda a reduzir o impacto nas suas operações de negócios e de rede se qualquer fornecedor sofrer uma falha ou interrupção do serviço. 
  • Acesso aos melhores serviços. Em vez de se limitar aos produtos e serviços de um fornecedor de cloud, uma abordagem multicloud permite-lhe selecionar os serviços cloud, a infraestrutura e as soluções que melhor se adequam aos seus requisitos de negócios específicos, independentemente do fornecedor. 
  • Desempenho otimizado. Os ambientes multicloud ajudam as organizações e as equipas de TI a armazenar, processar e analisar eficientemente enormes quantidades de dados utilizando a automatização, a sincronização de dados em tempo real e os serviços e funcionalidades assistidos por IA.
  • Maior flexibilidade e dimensionamento. Com a multicloud, as organizações podem facilmente dimensionar o armazenamento, a computação e outros recursos para cima ou para baixo à medida que as necessidades empresariais mudam em vez de se comprometerem com uma quantidade predeterminada de recursos, arriscando-se a pagar mais do que precisam. 
  • Diversidade geográfica e conformidade. A utilização de vários fornecedores de cloud ajuda as organizações a replicar e distribuir dados por várias regiões geográficas. Também facilita que as organizações cumpram regulamentos regionais específicos, garantindo a soberania e conformidade dos dados em diversas localizações.  

Ao mesmo tempo, adotar uma arquitetura multicloud adiciona várias complexidades à sua estratégia de TI, incluindo: 

  • Administração e gestão da cloud. Gerir mais do que um fornecedor de serviços na cloud significa lidar com diferentes interfaces, APIs, modelos de segurança e níveis de serviço. Tudo isto pode tornar a orquestração e a monitorização mais complexas.
  • Interoperabilidade e integração. As variações nas tecnologias, normas e arquiteturas podem dificultar a garantia de interoperabilidade e compatibilidade totalmente integradas entre diferentes serviços cloud e plataformas. 
  • Segurança e conformidade de dados. A coordenação de medidas de segurança como a encriptação de dados, os controlos de acesso e a conformidade em várias clouds requer estratégias robustas para manter normas de segurança consistentes. 
  • Controlo e gestão de custos. Uma vez que as estruturas de preços e os serviços diferem entre fornecedores, a otimização dos custos em vários fornecedores de serviços de cloud requer uma monitorização contínua para evitar despesas inesperadas. 
  • Potenciais problemas de latência. A comunicação entre aplicações e serviços distribuídos por várias clouds pode levar a atrasos na rede. O aumento da complexidade da coordenação das transferências de dados e a garantia de um encaminhamento ideal numa configuração de multicloud pode resultar numa latência mais elevada do que num ambiente de cloud única.  
  • Governação e controlo. Governar e controlar centralmente os recursos e as políticas em vários fornecedores de serviços de cloud é mais complicado e pode levar a mais problemas de conformidade, auditoria e alocação de recursos.

Gestão de multicloud

A gestão de um ambiente multicloud requer uma atenção e um planeamento meticulosos para mitigar quaisquer desafios que possam surgir. Supervisionar os seus serviços de cloud entre plataformas de fornecedores utilizando uma solução unificada como o Azure Arc ajuda a simplificar uma série de aspetos deste processo, incluindo:

Governação e orquestração de recursos. Gerir recursos num ambiente multicloud significa orquestrar cargas de trabalho, otimizar a alocação de recursos e as operações. O estabelecimento de uma estrutura de governação unificada pode ajudar a sua organização a manter o controlo, a visibilidade e a consistência em toda a sua infraestrutura de cloud.

Otimização de custos. Garantir que a sua organização atribuiu os seus recursos com cuidado em diferentes plataformas na cloud ajudará a evitar o excesso de gastos. Para eliminar despesas desnecessárias, monitorize continuamente a utilização de recursos da sua empresa e utilize técnicas de otimização como o rightsizing, o dimensionamento automático e a utilização de instâncias reservadas. 

Segurança e conformidade. Com dados dispersos em várias clouds, manter medidas de segurança robustas é fundamental. Isto envolve a implementação de protocolos de segurança consistentes, normas de encriptação e controlos de acesso. Além disso, garantir a conformidade com os regulamentos do sector, como o RGPD, a HIPAA e o PCI DSS, em todas as suas plataformas na cloud ajudará a sua organização a evitar penalizações e violações de dados.

Monitorização do desempenho. A monitorização da utilização de recursos da sua organização, do desempenho das aplicações e da latência da rede ajuda a identificar estrangulamentos e a otimizar os fluxos de trabalho. A monitorização contínua e proativa é essencial para garantir elevada disponibilidade, fiabilidade e a melhor experiência de utilizador possível em toda a sua infraestrutura multicloud. 

Recuperação após desastre. Uma multicloud bem gerida pode melhorar bastante as suas capacidades de recuperação após desastre. Garantir a redundância entre vários fornecedores de cloud ajuda-o a mitigar o risco de um único ponto de falha. Além disso, implementar estratégias abrangentes de cópia de segurança e recuperação ajuda a garantir a continuidade do negócio ao minimizar o tempo de inatividade e a perda de dados em caso de desastre.

 

Melhores práticas para adotar um ambiente multicloud 

Eis algumas das melhores práticas para garantir que a sua adoção de multicloud corre tão bem quanto possível e que maximiza os benefícios dos seus recursos na cloud: 

Defina claramente os objetivos e a estratégia que se alinham com os seus objetivos de negócios. Identifique os motivos específicos da sua organização para adotar uma abordagem multicloud, como otimização de custos e maior flexibilidade, dimensionamento e inovação. Esta clareza orientará a tomada de decisões ao longo do processo de adoção.

Desenvolva uma arquitetura abrangente que considere a interoperabilidade e a portabilidade de aplicações e dados entre as várias plataformas na cloud que pretende utilizar. Enfatize a uniformização e a compatibilidade para garantir a integração perfeita e a transferência de dados em toda a sua multicloud.

Tire proveito das ferramentas de automatização e orquestração para simplificar as operações empresariais e gerir cargas de trabalho de forma eficiente em várias clouds. Implemente ferramentas que permitam o aprovisionamento, o dimensionamento e a gestão de recursos automatizados para aumentar o desempenho e minimizar os erros humanos. 

Implemente medidas de segurança robustas em todas as camadas da sua infraestrutura multicloud. Utilize encriptação, controlos de acesso, gestão de identidades e auditorias de segurança regulares para proteger dados e aplicações sensíveis em todos os seus ambientes na cloud.

Pratique a monitorização e gestão contínuas para melhorar a agilidade e a segurança. Avalie regularmente a utilização de recursos, o desempenho das aplicações e as vulnerabilidades de segurança da sua organização. A adoção de uma abordagem proactiva ajuda-o a fazer os ajustes necessários antes de surgir um problema. Também ajuda a garantir o cumprimento das métricas de desempenho definidas pela sua equipa ou organização.

FAQ

  •  

    A cloud híbrida envolve a utilização conjunta de ambientes de cloud privada e pública. Uma estratégia de cloud híbrida normalmente combina a infraestrutura local de uma organização com os serviços de cloud de um fornecedor externo. Esta plataforma unificada permite que os dados e as aplicações de uma organização se movam facilmente entre ambos os ambientes na cloud. 

    A definição oficial de multicloud é a utilização simultânea de serviços de vários fornecedores de cloud pública. Numa estratégia multicloud, o objetivo é otimizar o desempenho, reduzir os riscos de depender de um único fornecedor e aceder a uma gama mais vasta de serviços e regiões geográficas. 

    Em suma, a cloud híbrida integra a infraestrutura local de uma organização com as ofertas de um fornecedor de cloud de terceiros, enquanto a multicloud é uma coleção de serviços de cloud de vários fornecedores que uma organização seleciona para satisfazer as suas necessidades de computação únicas.

     

  •  

    O próprio Azure não é uma plataforma multicloud. Em vez disso, é uma plataforma única de computação na cloud oferecida pela Microsoft que contém mais de 200 produtos e serviços. No entanto, as organizações podem implementar uma estratégia multicloud que inclui os serviços cloud, as soluções e as inovações que o Azure oferece, juntamente com os produtos e soluções de outros fornecedores de cloud.

     

  •  

    A configuração de um ambiente multicloud envolve vários passos: 

    • Defina claramente os seus objetivos, requisitos e os serviços cloud específicos de que precisa. 
    • Escolha os fornecedores de cloud que oferecem os serviços que melhor se adequam às suas necessidades específicas e considere fatores como preços, segurança e conformidade. 
    • Implemente um sistema de gestão e monitorização unificado para supervisionar a sua multicloud e garantir a consistência na segurança, governação e desempenho.
    • Reveja e otimize regularmente a sua multicloud para garantir que satisfaz as suas necessidades empresariais em constante mudança e tira proveito dos mais recentes avanços tecnológicos.

     

Conta gratuita

Experimente os serviços de computação na cloud do Azure gratuitamente até 30 dias.

Pay as you go

Comece a trabalhar ao optar pelos preços pay as you go. Não existe fidelização inicial e pode cancelar a qualquer altura.