Para gerar a excelência em engenharia, a Microsoft tem uma equipa dedicada à promoção da mudança cultural

Siga o percurso experimental que a equipa da One Engineering System (1ES) está a seguir para ajudar as equipas da Microsoft a tornarem-se altamente produtivas.

O desafio: compreender como gerar desempenho elevado

A equipa Microsoft One Engineering System (1ES) foi criada em 2014 com um mandato de liderança para capacitar todos os engenheiros da empresa mediante a padronização das melhores ferramentas disponíveis. Nos anos seguintes, a equipa registou um sucesso assinalável no estabelecimento de um conjunto de ferramentas padrão transversal a todas as equipas de engenharia. Os problemas no controlo de origens diminuíram e os tempos de compilação e a fiabilidade melhoraram. Mas mesmo com estes feitos, a equipa 1ES concluiu que ainda havia oportunidades para obter mais eficiências. Tornou-se claro que, para atingirem os resultados pretendidos, teriam de aumentar o âmbito para além das ferramentas e alargar os esforços no sentido de incluir pessoas e processos. O mandato da equipa evoluiu para um novo tipo de desafio: Como promover a mudança cultural numa empresa tão grande e diversificada como a Microsoft?

"If you want things to change, you're much better off starting with 'What motivates our internal customers? Why would they want to sign on to this? And how can we best meet them where they're starting from?'"

Cindy Alvarez, Gestora de Projetos Principal da 1ES

Abordar a mudança como um percurso experimental

A equipa 1ES começou por aprender a ouvir o que motiva os clientes internos e, depois, a moldar os esforços em torno desses objetivos. A seguir, aprendeu que em vez de começar a tentar dimensionar a mudança o mais depressa possível com as equipas maiores, teria mais sucesso se se concentrasse em obter vitórias rápidas com equipas médias e motivadas. Ver a melhoria dessas equipas cria um efeito viral entre as outras pessoas e constrói um progresso estável e sustentável em toda a empresa. Por fim, a adoção de uma cultura de experimentação e aprendizagem contínua cria a segurança mental de que as pessoas têm de experimentar coisas novas, falar e contribuir com ações que levem a processos melhores e a um desempenho mais robusto.

A 1ES documentou o seu processo para partilhar com as outras equipas no guia Five steps to culture change: Empowering your teams to adapt and change how they work (Cinco passos para a mudança da cultura: capacitar as suas equipas a adotarem e a mudarem os hábitos de trabalho).

"It's not about size … It's about focusing on quick wins and substantial impact over rolling out substantial change to as many as possible, all at once. Today, we value continuous learning and steady progress over rushing to scale."

Cindy Alvarez, Gestora de Projetos Principal da 1ES

Adotar uma abordagem multifacetada para desenvolver o sucesso

Para abordar as necessidades diversas das diferentes equipas e saber o que funciona, a 1ES utiliza múltiplos modelos de interação. Uma iniciativa consiste em integrar engenheiros na equipa por um período de até nove meses, com o objetivo de gerar a mudança cultural a partir de dentro. Noutras abordagens, interações de uma ou duas semanas têm como intuito obter vitórias rápidas mediante a criação de melhores práticas ou do estabelecimento de um enquadramento para melhorias que mostre o que é tido como "bom" através de formações, mentorias e outros serviços. Outra iniciativa passa por fazer com que os projetos internos funcionem mais como se fossem de open source, explorando o potencial do talento de engenharia em toda a Microsoft.

Atualmente, a 1ES continua dedicada à padronização das ferramentas, nas quais se incluem o Azure Boards, para acompanhamento de itens de trabalho, e o Azure Pipelines, para a orquestração de compilações e implementações, bem como a adoção de outras ferramentas modernas. Paralelamente ao mandato de promover a mudança cultural, os esforços da equipa estão a registar um sucesso substancial. As equipas com as quais a 1ES trabalhou estão a colaborar melhor e a entregar mais depressa. Talvez mais importante, a satisfação dos funcionários está a melhorar, tendo aumentado em 93% no caso de uma equipa proeminente. À medida que a equipa de 1ES progride, continua a pôr ênfase na abordagem de tentativa e erro rigorosa e a tirar proveito de cada sucesso rumo a uma cultura de maior colaboração e engenharia sustentável.

Siga o percurso experimental da equipa e as lições que aprendeu ao longo do mesmo.

Ler a história completa