Funções

Crie aplicações mais depressa com uma arquitetura sem servidor

Acelere o desenvolvimento com uma experiência de computação orientada para eventos e sem servidor. Dimensione a pedido e pague apenas pelos recursos que consumir.

Faça a gestão das suas aplicações e não da infraestrutura

Concentre-se na criação de excelentes aplicações. Não se preocupe com o aprovisionamento e a manutenção de servidores, especialmente quando a sua carga de trabalho crescer. As Funções proporcionam uma plataforma de computação totalmente gerida com elevada fiabilidade e segurança. Com o dimensionamento a pedido, obtém os recursos de que precisa, quando precisa.

Desenvolva à sua maneira

Crie Funções na linguagem em que escolher, como JavaScript, C# e F#, e com as opções de scripts, como Python, PHP, Bash, Batch e PowerShell. Escreva código numa interface baseada na Web fácil de utilizar ou carregue código pré-compilado compilado com a sua ferramenta de programação preferida. Tire partido da implementação contínua para integrar no seu pipeline de DevOps e utilize ferramentas de monitorização para resolver problemas.

Juntar aos serviços

Capitalize a gama de serviços do Azure e externos para criar cenários ricos sem servidor. Interaja facilmente com o Azure Cosmos DB, o Armazenamento, entre outros, e com outros serviços externos, incluindo o Twilio, o SendGrid, entre outros, ao adicionar enlaces de entrada/saída às Funções. Poupe custos com menos código para manter.

Clientes que estão a executar código sem servidor com as Funções do Azure

O que pode fazer com as Funções do Azure

Processamento com base num temporizador

As Funções do Azure suportam um evento com base num temporizador através da sintaxe de tarefa Cron. Por exemplo, execute código a cada 15 minutos e limpe uma tabela de base de dados com base numa lógica de negócio personalizada.

Processamento baseado no temporizador das Funções do Azure

Processamento do evento do serviço Azure

As Funções do Azure suportam acionar um evento com base numa atividade num serviço do Azure. Por exemplo, execute código sem servidor que lê ficheiros de registo de teste detetados recentemente num contentor de armazenamento de Blobs do Azure e transforme-os numa linha de uma tabela de Base de Dados SQL do Azure.

Função do Azure C# para reagir a Eventos de Insights do Azure

Processamento de eventos das Funções do Azure

Processamento de eventos SaaS

As Funções do Azure suportam acionadores bom base da atividade num serviço SaaS. Por exemplo, quando guarda um ficheiro no OneDrive, é acionada uma função que utiliza a Graph API da Microsoft para modificar a folha de cálculo, o que cria gráficos adicionais e dados calculados.

Processamento de eventos SaaS e funções de código sem servidor

Arquiteturas de aplicação Web sem servidor

As Funções do Azure podem potenciar uma aplicação de página única. A aplicação chama funções através do URL do WebHook, guarda os dados do utilizador e decide que dados apresentar. Pode, também, realizar personalizações simples, como alterar anúncios direcionados ao chamar uma função e ao fornecer à mesma a informação do perfil do utilizador.

Arquitetura sem servidor nas Funções do Azure

Back-ends móveis sem servidor

Um back-end móvel pode ser um conjunto de APIs HTTP que são chamadas a partir de um cliente móvel através do URL do WebHook. Por exemplo, uma aplicação móvel pode capturar uma imagem e, em seguida, chamar uma Função do Azure para obter um token de acesso para carregar para o armazenamento de blobs. Uma segunda Função do Azure é acionada pelo carregamento do blob e redimensiona a imagem para torná-la adequada a dispositivos móveis.

Função do Azure Node.js para gerar tokens de SAS Função do Azure C# para gerar tokens de SAS

Back-ends móveis sem servidor

Processamento de fluxo em tempo real

Por exemplo, os dispositivos IoT (Internet das Coisas) enviam mensagens para o Azure Stream Analytics que, em seguida, chama uma Função do Azure para transformar a mensagem. Esta função processa os dados e cria um novo registo numa base de dados SQL do Azure.

Processamento de fluxo em tempo real

Mensagens bot em tempo real

Utilize as Funções do Azure para personalizar o comportamento de um bot através de um WebHook. Por exemplo, crie uma Função do Azure que processe uma mensagem com o Cortana Analytics e chame esta função através do Microsoft Bot Framework.

Mensagens de bot em tempo real nas Funções do Azure

Produtos e serviços relacionados

Aplicações Lógicas

Automatize o acesso e utilização dos dados entre as clouds sem ter que escrever código

Azure Cosmos DB

Base de dados com múltiplos modelos distribuída globalmente para qualquer dimensionamento

Event Grid

Obtenha a entrega de eventos fiável numa escala massiva

A partir de agora, vai ser muito mais fácil executar código