Perguntas mais frequentes (FAQ) sobre o Licenciamento das Máquinas Virtuais

FAQs

Perguntas sobre o Windows Server

  • A licença para executar o Windows Server no ambiente Azure está incluída, por predefinição, no custo por minuto da sua Máquina Virtual do Windows.

    As licenças do Windows Server não são elegíveis para License Mobility através de Software Assurance, mas os clientes que estejam a licenciar o Windows Server com Software Assurance podem utilizar o Azure Hybrid Use Benefit para obterem um custo por minuto mais reduzido quando executarem uma Máquina Virtual do Windows.

    As licenças para uso do Windows Server no local (seja num VHD ou não) têm de ser obtidas separadamente através do licenciamento em volume.

  • Embora o Windows Server não esteja coberto pela mobilidade de licenças, os clientes de Licenciamento em Volume podem carregar as respetivas imagens que contenham o Windows Server para o Azure, se as incluírem como parte da Mobilidade de Licenças de outro produto que esteja a ser movido.

    Será cobrada a tarifa de Máquina Virtual do Windows Server aplicável às respetivas instâncias.

    Os clientes podem ter acesso a um custo por minuto mais reduzido utilizando o Azure Hybrid Use Benefit.

    Os clientes são responsáveis pelo devido licenciamento de qualquer aplicação ou middleware na imagem.

  • Não, não são necessárias CAL do Windows Server para aceder ao Windows Server que esteja em execução no ambiente Azure, porque os direitos de acesso estão incluídos no custo por minuto das Máquinas Virtuais. A utilização do Windows Server no local (seja em VHD ou noutro) requer a obtenção de uma licença em separado e está sujeita aos requisitos de licenciamento normais para o uso de software no local.
  • Os clientes podem usar os benefícios da mobilidade de licenças ao abrigo do Software Assurance para atribuir a sua licença do System Center 2012 a uma instância do Windows Server em execução no Azure. Uma licença do System Center Standard pode ser usada para gerir duas instâncias da VM; uma licença do System Center Datacenter pode ser usada para gerir 8 instâncias da VM.

Perguntas sobre o SQL Server

  • Se for um cliente final a usar o SQL Server, pode:

    1. Obter uma imagem do SQL Server do Marketplace e pagar a tarifa de licenciamento por minuto do SQL Server. O valor da licença do SQL Server está incluído no preço de imagem da Máquina Virtual como é apresentado na página de preços da Máquina Virtual.
    2. Os clientes com o Software Assurance podem utilizar a Mobilidade de Licenças para colocar licenças no local. Isto pode ser feito:
      1. Ao obter um SQL Server, BYOL, imagem do Marketplace, o Azure não lhe cobra por imagens com licença SQL.
      2. Instalar manualmente o SQL Server numa Máquina Virtual do Windows Server a partir do Marketplace.
      3. Carregar uma imagem do SQL Server a partir do local para o Azure para criar uma Máquina Virtual.

    Tem de comunicar a utilização das licenças à Microsoft utilizando o formulário de Verificação de Mobilidade de Licenças no prazo de 10 dias.

  • Each of the deployed Azure Virtual Machines requires licensing for SQL Server. To accomplish this, you can do one of the following:

    • Obtain a SQL image from the Azure VM Marketplace and pay the per-minute rate of SQL Server for each VM. Use a SQL Server VM from the gallery.

    Or

    • Customers with Software Assurance can use License Mobility to license both the active SQL VM and the passive SQL VM with the Fail-over Rights as described in Volume Licensing Product Terms.

    To use License Mobility, do one of the following:

    • Create a BYOL SQL Server VM from the Azure Gallery. The BYOL images are labeled {BYOL} in the Azure Marketplace.
    • Manually install SQL Server on a Windows VM from the Azure Marketplace.
    • Manually install SQL Server on-premises and create an image. Then you can upload the image to Azure and create a VM from the uploaded image.

    Customers who use License Mobility for this purpose must notify Microsoft within 10 days with the License Verification form. To access this form go to http://microsoftvolumelicensing.com, click Licensing Documents Search and locate License Verification for your language and region.

  • O SQL Server 2012 é licenciado por núcleo, o que é considerado o equivalente aos núcleos virtuais nas instâncias das máquinas virtuais do Azure. O número mínimo de núcleos que podem ser atribuídos a uma instância de máquina virtual é 4. Isto significa que as instâncias Muito Pequenas (A0), Pequenas (A1), Médias (A2), Grandes (A3) e A6 têm todas de ter 4 licenças de núcleo do SQL Server atribuídas. Às instâncias Extra Grande (A4) e A7 têm de ser atribuídas oito licenças de núcleo do SQL Server.

Perguntas sobre o BizTalk Server

  • Se for um cliente final a usar o BizTalk Server, pode:

    • Obter uma imagem do BizTalk Server no mercado VM do Azure e pagar a tarifa por minuto do BizTalk Server, ou
    • Instalar ou carregar a sua própria imagem do BizTalk Server utilizando os benefícios da mobilidade de licenças ao abrigo do Software Assurance

    Se for um Fornecedor de Serviços com um Acordo de Licença de Fornecedor de Serviços (SPLA), pode:

    • Obter uma imagem do BizTalk Server no mercado VM do Azure e pagar a tarifa por minuto do BizTalk Server

Perguntas sobre os Serviços de Ambiente de Trabalho Remoto

  • Sim, os fornecedores de serviços podem oferecer soluções alojadas através de RDS em execução no Azure desde que obtenham SALs (Subscriber Access Licenses) de RDS através de um revendedor de Acordo de Licença de Fornecedor de Serviços (SPLA) da Microsoft.
  • Em vigor a partir de 1 de janeiro de 2014, os clientes com Licenciamento em Volume que tenham o Software Assurance ativo nas suas CALs de Utilizador de RDS têm Direitos Expandidos de CAL de RDS, que lhes permitem o uso da sua CAL de Utilizador de RDS com o Software Assurance em relação a um Windows Server em execução no Azure ou em ambientes de servidor partilhado de outros fornecedores de serviços. Este benefício do Software Assurance em relação à CAL de Utilizador de RDS permite a cada utilizador o acesso à funcionalidade RDS somente num ambiente de servidor partilhado (ou seja, Azure ou servidor de terceiros), para além do acesso aos respetivos servidores no local. Para aproveitar este benefício, preencha e envie o formulário de Verificação de Mobilidade de Licenças para o Azure ou qualquer Parceiro de Mobilidade Autorizado onde a interface gráfica do utilizador vá estar em execução. Estão disponíveis mais informações no Apêndice 2 da secção de benefício do Software Assurance do PUR (Direitos de Utilização de Produto).
  • Não, o alojamento multi-inquilino está restrito nos Direitos de Utilização do Produto do Cliente Windows, tal como o Windows 7 ou Windows 8. Os ambientes de trabalho de Cliente Windows não estão disponíveis no Azure nem noutro Fornecedor de Serviços, como a Amazon ou Rackspace. Pode ler mais sobre os Direitos de Utilização de Produto Microsoft aqui.

Perguntas sobre o SharePoint SQL Server

  • Os SharePoint Servers podem ser implementados no Azure através de um contrato de licença em volume do cliente com a Mobilidade de Licenças para o Software Assurance, ou como parte de uma solução alojada licenciada por SPLA.

Outras Perguntas sobre o Licenciamento

  • In addition to Windows Server, SQL Server, BizTalk Server, we support Project Server, Dynamics NAV, Dynamics GP and Team Foundation Server. Please find the latest list of supported workloads in this article. Table below summarizes licensing models for each product:
    Products Available in the image marketplace and charged per minute License Mobility through Software Assurance SPLA SAL License
    Windows Server Datacenter Edition Included
    (per-minute charge includes use of hardware resource, server license and client access rights)
    Blank Blank
    Windows Server Standard Edition Blank Blank Blank
    SQL Server Enterprise Edition Included Included Blank
    SQL Server Standard Edition Included Included Included
    SQL Server Web Edition Included Blank Blank
    BizTalk Server Enterprise Edition Included Included Blank
    BizTalk Server Standard Edition Included Included Blank
    SharePoint Server Blank Included Included
    System Center Datacenter Blank Included Blank
    System Center Standard Blank Included Blank
    Team Foundation Server Blank Included Included
    Project Server Blank Included Included
    Microsoft Dynamics NAV Blank Blank Included
    Microsoft Dynamics GP Blank Blank Included
  • Não. Ao abrigo dos Direitos de Utilização de Produto Microsoft (PUR), o Office e o Windows 7 não estão licenciados para serem executados em Máquinas Virtuais. Em particular, o Microsoft Office está classificado no PUR como "Aplicações de Estação de Trabalho", o que não está incluído na Mobilidade de Licenças.

    Estão disponíveis mais informações no site para os Direitos de Utilização de Produto Microsoft.

  • Sim, todos os subscritores existentes do Visual Studio que tenham ativado as suas subscrições podem executar grande parte do software licenciado ao abrigo do MSDN em Máquinas Virtuais do Azure, assegurando uma maior flexibilidade para o desenvolvimento e teste das suas aplicações.

    Este direito de utilização na cloud aplica-se a qualquer software incluído na subscrição do MSDN com exceção do cliente Windows e do Windows Server. Os subscritores do Visual Studio podem executar o Windows Server em Máquinas Virtuais do Azure, mas uma vez que tal não está incluído como parte dos direitos de utilização da cloud, será cobrada aos subscritores a tarifa das Máquinas Virtuais do Windows Server. O subscritor do Visual Studio só pode executar Máquinas Virtuais do cliente Windows na subscrição de benefícios do Azure MSDN ou na subscrição Pay As You Go MSDN Programador/Teste. Consulte o documento técnico do licenciamento do Visual Studio e MSDN para obter mais informações sobre os direitos de utilização na cloud.

    Para além deste novo direito de utilização para subscritores do Visual Studio, atualizámos o benefício do Azure MSDN para conceder aos subscritores do MSDN um crédito mensal de utilização em serviços do Azure e tarifas reduzidas para a execução de Máquinas Virtuais do Windows Server.