Funções do Azure

Processar eventos com uma arquitetura de código sem servidor

Uma experiência de computação sem servidor, baseada em eventos, para acelerar seu desenvolvimento. Pode dimensionar sob demanda e você paga apenas pelos recursos que consome.

Teste gratuitamente

Logon à sua conta

Crie sua conta gratuita

Sem servidor

Não se preocupe com a infraestrutura e o provisionamento de servidores, especialmente quando a taxa de chamadas do Functions escala verticalmente.

Acelere o desenvolvimento

Escreva seu código no editor do Functions e clique em executar para executá-lo imediatamente.

Associar nos serviços

Clique e adicione facilmente associações aos serviços do Azure e aos serviços externos (Box, DropBox, OneDrive, SendGrid, etc...) para obter entradas e saídas do Functions.

Crie o Azure Functions em diversos idiomas

Desenvolva do seu jeito

Crie Funções em uma série de linguagens, incluindo JavaScript, C#, F#, além de diversas opções de script como Python, PHP, Bash, Lote e PowerShell. Faça tudo isso em uma interface fácil de usar baseada na Web. Ou carregue e dispare o código pré-compilado criado com sua ferramenta de desenvolvimento favorita.

Integre o DevOps

Execute iterações de maneira rápida e fácil no Azure Functions com implantação contínua usando o Visual Studio Team Services, o GitHub ou o BitBucket. Além disso, use o ambiente inserido de registro em log para monitorar e solucionar problemas.

Integre o DevOps e uma arquitetura sem servidor
Pague apenas pelo que usar no Azure Functions

Pague apenas pelo que usar

Pague apenas pelo tempo pelo qual o código está em execução. Você será cobrado com base no número de recursos necessários às Funções do Azure, somente pelo tempo que leva para seu código ser executado.

Criado para negócios

Use as Funções do Azure quando ocorrerem eventos em APIs internas ou em sistemas comerciais e forneça resultados diretamente para seus bancos de dados locais ou soluções comerciais.

Arquitetura sem servidor

Cenários comuns do Azure Functions

Processamento baseado em temporizador

O Azure Functions dá suporte a um evento com base em um temporizador usando a sintaxe de trabalho CRON. Por exemplo, você pode executar código que é executado a cada 15 minutos e limpa uma tabela de banco de dados com base em lógica de negócios personalizada.

Processamento baseado em temporizador do Azure Functions

Processamento de evento de serviço do Azure

O Azure Functions dá suporte ao disparo de um evento com base em uma atividade em um serviço do Azure. Por exemplo, você pode executar um código sem servidor que lê arquivos de log de teste descobertos recentemente em um contêiner de Armazenamento de Blobs do Azure e os transforma em uma linha na tabela do Banco de Dados SQL do Azure.

Função C# Azure para reagir a Eventos de Insights do Azure

Processamento de eventos do Azure Functions

Processamento de evento SaaS

O Azure Functions dá suporte a disparos com base em atividade em um serviço SaaS. Por exemplo, quando um arquivo é salvo no OneDrive, dispara uma função que usa a API do Graph da Microsoft para modificar a planilha, criando gráficos adicionais e dados calculados.

Processamento de eventos SaaS e funções de código sem servidor

Arquiteturas de aplicativo Web sem servidor

O Azure Functions pode ativar um aplicativo de uma única página. O aplicativo chama funções usando a URL WebHook, salvando dados do usuário e decidindo quais dados devem ser exibidos. Ou você pode fazer personalizações simples, como alterar o direcionamento de um anúncio ao chamar uma função e passar suas informações de perfil do usuário.

Arquitetura sem servidor no Azure Functions

Back-ends móveis sem servidor

Um back-end móvel pode ser somente um conjunto de APIs HTTP chamado de um cliente móvel usando a URL WebHook. Por exemplo, um aplicativo móvel pode capturar uma imagem e, em seguida, chamar um Azure Function para obter um token de acesso para carregar o armazenamento de blobs. Um segundo Azure Function é disparado pelo upload de blob e redimensiona a imagem para ser adequada para dispositivo móvel.

Função Node.js Azure para gerar tokens de SAS Função C# Azure para gerar tokens de SAS

Back-ends móveis sem servidor

Processamento de fluxo em tempo real

Por exemplo, dispositivos IoT enviam mensagens para o Stream Analytics do Azure que chama o Azure Function para transformar a mensagem. Essa função processa os dados e cria um novo registro em um Banco de Dados SQL do Azure.

Processamento de fluxo em tempo real

Mensagens bot em tempo real

O Azure Functions pode ser usado para personalizar o comportamento de um bot usando um WebHook. Por exemplo, você pode criar um Azure Function que processa uma mensagem usando o Cortana Analytics e chamar essa função usando o Bot Framework.

Sistemas de mensagens de bot em tempo real no Azure Functions

Produtos e serviços relacionados

Serviço de aplicativo

Crie aplicativos Web e móveis para qualquer plataforma e dispositivo

Serviço de Bot do Azure

Serviço de bot inteligente e sem servidor, que dimensiona sob demanda

Automação

Simplifique o gerenciamento em nuvem com a automação de processo

Executar código está prestes a ficar muito mais fácil