Ignorar navegação

O que é PostgreSQL?

Saiba o que é PostgreSQL, os tipos de dados PostgreSQL e muito mais.

Um sistema de banco de dados de software livre comprovado e potente

O que é exatamente o banco de dados PostgreSQL? Os bancos de dados relacionais, como o PostgreSQL, existem para ajudar os usuários a organizar e entender as relações entre os dados. O PostgreSQL é um banco de dados relacional de software livre com suporte de 30 anos de desenvolvimento, sendo um dos bancos de dados relacionais mais estabelecidos disponíveis. A popularidade do PostgreSQL com desenvolvedores e administradores se deve à sua flexibilidade e integridade notáveis. Por exemplo, o PostgreSQL dá suporte a consultas relacionais e não relacionais, além de que sua natureza de software livre significa uma comunidade dedicada de mais de 600 colaboradores que melhora constantemente o sistema de banco de dados.

Quem usa o PostgreSQL?

Em uma ampla variedade de campos, como serviços financeiros, manufatura, varejo e logística, o PostgreSQL é uma solução de banco de dados crucial que ajuda os desenvolvedores a manter a integridade de seus dados, gerenciar mais facilmente cargas de trabalho de todos os tamanhos e escalar conforme necessário.

O PostgreSQL serve como o banco de dados principal. Além de oferecer uma reputação forte, o PostgreSQL oferece benefícios substanciais para aplicativos habilitados para geoespacial e aplicativos que combinam séries temporais, JSONB (Associação de JavaScript Object Notation) e dados relacionais. Além disso, administradores reconheceram o alto nível de confiabilidade do PostgreSQL na proteção de dados. Em geral, o PostgreSQL está ganhando popularidade devido a seu conjunto de recursos em constante expansão e à ávida comunidade de colaboradores.

Por que usar o PostgreSQL?

Como o PostgreSQL é robusto, seguro e extensível, além de ter um rico ecossistema de ferramentas disponíveis, os desenvolvedores usam o PostgreSQL para uma variedade de casos de uso. O software foi projetado para ser compatível com todos os principais sistemas operacionais incluindo Linux, Windows e Macintosh, além de oferecer suporte a texto, imagens, sons e vídeos, sendo assim um banco de dados popular para pessoas e empresas com necessidades diversas. O PostgreSQL é amplamente considerado como a tecnologia de banco de dados favorita dos desenvolvedores, ficando atrás apenas do MySQL.

No entanto, há muitas razões pelas quais os desenvolvedores podem escolher o PostgreSQL em vez do MySQL como uma solução de banco de dados, incluindo:

Acesso a recursos avançados

O PostgreSQL vem com uma infinidade de opções para os usuários. Por exemplo, você pode escolher entre recursos como recuperação pontual, registro em log write-ahead, controles de acesso granulares, espaços de tabela, transações aninhadas, backups online e controle de simultaneidade multiversão.

Confiabilidade e conformidade

Décadas de desenvolvimento ajudaram a tornar o PostgreSQL extremamente tolerante a falhas. Ele é compatível com propriedades ACID (atomicidade, consistência, isolamento e durabilidade) para transações de banco de dados. Além disso, o PostgreSQL dá suporte a várias linguagens em gatilhos, atributos de chave estrangeira, junções e procedimentos armazenados. O PostgreSQL permite os tipos de dados mais comuns, incluindo o SQL 2008, além de oferecer suporte a Unicode, conjuntos de caracteres internacionais e codificações de caracteres multibyte.

Uma licença de software livre

Como o PostgreSQL é acessível como uma licença de software livre, os usuários podem ser mais flexíveis e inovadores do que com um sistema de banco de dados comercial. Sem custos de licenciamento, os usuários são livres para explorar infinitas possibilidades de desenvolvimento e até mesmo modificar ou implementar o código-fonte da maneira que desejarem.

Escalabilidade

A escalabilidade notável é uma marca registrada do PostgreSQL. O software pode gerenciar com facilidade grandes quantidades de dados. A escalabilidade do PostgreSQL se aplica não apenas à quantidade de dados que ele pode gerenciar, mas também ao número de usuários simultâneos que pode gerenciar.

Uma variedade de tipos de índice e pesquisa de texto completo

O PostgreSQL oferece aos usuários uma variedade de técnicas de indexação, incluindo índice de árvore B+, índice invertido generalizado e árvore de pesquisa generalizada, além da pesquisa de texto completo para pesquisas de cadeia de caracteres e cadeias de operações de vetor.

Flexibilidade

O PostgreSQL é compatível com uma matriz das principais linguagens de programação e protocolos, incluindo C, C++, Go, Perl, Python, Java, .Net, Ruby, ODBC e Tcl. Isso significa que os usuários podem trabalhar na linguagem que entendem melhor, sem o risco de conflitos no sistema.

Um ecossistema de suporte avançado

A natureza de software livre do PostgreSQL oferece aos usuários o suporte de uma comunidade dedicada de colaboradores que estão constantemente refinando o sistema, tornando-o mais seguro e relevante. Os usuários podem acessar o conhecimento coletivo dessa comunidade para relatar bugs, conseguir opiniões sobre projetos de desenvolvimento e tirar dúvidas. A natureza de software livre do PostgreSQL fornece aos usuários várias maneiras de obter suporte, quer eles estejam trabalhando em estruturas para Ruby on Rails, Tableau ou Datadog. Os desenvolvedores podem não apenas acessar o conhecimento coletivo da comunidade e conseguir ajuda, como também se conectar com especialistas e serviços do PostgreSQL para resolver problemas ou determinar as próximas etapas.

JSON

Como o PostgreSQL dá suporte a consultas relacionais e não relacionais, os usuários podem acessar dados JSON usando expressões de demarcador SQL e JSON.

Extensibilidade

O PostgreSQL faz mais do que apenas armazenar dados, ele dá aos usuários o poder de definir linguagens funcionais e tipos de dados, incluindo tipos personalizados ou tipos definidos pelo usuário. Além disso, os desenvolvedores da sua empresa podem usar uma variedade de extensões e suplementos disponíveis para personalizar suas experiências no PostgreSQL, incluindo PostGIS, Citus, pg_cron, HyperLogLog e t-Digest. O PostgreSQL alcança esse grau de extensibilidade porque, diferente da maioria dos sistemas de gerenciamento de banco de dados relacionais, ele armazena mais informações em seus catálogos do que as tabelas e colunas tradicionais. Os usuários têm a capacidade de modificar tabelas e, no processo, estender o PostgreSQL.

Tipo de dados PostgreSQL explicados

Os usuários do PostgreSQL têm um grande número de tipos de dados nativos ao seu alcance, incluindo JSONB e PostGIS, e eles também podem adicionar novos tipos facilmente. Cada tipo de dados é projetado para dar suporte a uma finalidade exclusiva, como dados de pesquisa de texto completo e data e hora. Para criar uma tabela, os usuários primeiro selecionam um determinado tipo de dados para cada coluna. A finalidade dessas colunas é mostrar o tipo de dados que pertence a um campo da tabela. A seguir estão alguns dos tipos de dados PostgreSQL mais predominantes:

Booliano

O tipo de dados booliano é projetado para expressar valores de dois estados como verdadeiro / falso, ativado / desativado, sim / não e valores nulos. Normalmente, você usaria esse tipo de dados para avaliar instruções condicionais. O fluxo de controle pode depender do resultado verdadeiro ou falso, como ao usar a expressão CASE do PostgreSQL, com várias ações resultantes da avaliação.

Caractere

Esse tipo de dados consiste em cadeias de caracteres, como letras ou números, sendo usado para armazenar valores de texto. Tipos de dados de caractere e tipos de string podem ocorrer como um comprimento fixo, conhecido como char, ou comprimentos variáveis, conhecidos como varchar e long varchar. O comprimento que o usuário seleciona afeta a validação da entrada.

Datas e horas

O tipo de dados de data e hora é usado para mostrar datas, horas e intervalos temporais. O tipo de dados do carimbo de data/hora do PostgreSQL tem precisão de microssegundos e oferece aos usuários a opção de armazenar dados de data e hora com ou sem informações de fuso horário anexadas.

Numérico

Os tipos de dados numéricos vêm em duas formas: exatos e aproximados. Os tipos de dados numéricos exatos contêm tipos de dados inteiros e tipos de dados decimais. Os tipos de dados aproximados, por outro lado, contêm tipos de dados de ponto flutuante, por exemplo, inteiros de 2, 4 e 8 bytes, números de ponto flutuante de 4 e 8 bytes e decimais de precisão selecionável.

Explore mais serviços de banco de dados do Azure

Banco de Dados SQL do Azure

Crie aplicativos que são escalados de acordo com o ritmo do seu negócio com SQL inteligente e gerenciado na nuvem.

Azure Cosmos DB

Crie ou modernize aplicativos escalonáveis de alto desempenho com o serviço de banco de dados NoSQL totalmente gerenciado.

Banco de Dados do Azure para MySQL

Inove mais rapidamente com um banco de dados MySQL totalmente gerenciado.

Banco de Dados do Azure para MariaDB

Desenvolva aplicativos com o Banco de Dados do Azure para MariaDB utilizando a plataforma e as ferramentas de software livre de sua escolha.

Cache do Azure para Redis

Armazenamento de dados na memória totalmente gerenciado e extremamente rápido.

SQL Server

Desempenho e capacidade de gerenciamento líder do setor para seu banco de dados de nuvem.

SQL do Azure

Veja todos os serviços de banco de dados SQL do Azure para migração, modernização e desenvolvimento de aplicativos.

Bancos de dados do Azure

Serviços de banco de dados em nuvem totalmente gerenciados, inteligentes e flexíveis.

Migração de banco de dados do Azure

Facilite a migração de banco de dados para o Azure.

Veja todos os serviços de banco de dados do Azure e encontre o melhor para suas necessidades ou saiba mais sobre migrar seus bancos de dados para o Azure.

Explore o Banco de Dados do Microsoft Azure para PostgreSQL

A criação de aplicativos escalonáveis com o banco de dados do Azure para PostgreSQL ajudará sua empresa a tirar o máximo de proveito do banco de dados. Aprenda a dimensionar sua carga de trabalho de modo rápido, fácil e seguro com o banco de dados do Azure para PostgreSQL.

Saiba mais
Podemos ajudar você?