Atualizações do Azure Monitor BUILD 2019

Postado em quarta-feira, 8 de maio de 2019

Esta é a hora do Microsoft BUILD 2019 e estamos felizes em anunciar várias melhorias no Azure Monitor que aprimoram nossa visão para fornecermos uma solução de monitoramento de pilha completa que seja integrada, inteligente e escalonável.

  • Monitoramento de ponta a ponta para o AKS – Estamos adicionando suporte para os eventos ao vivo do Kubernetes e também ampliando o suporte ao Application Insights para fornecer uma nova experiência de monitoramento de aplicativo pronta para uso para qualquer aplicativo AKS hospedado .
  • Controle de acesso integrado para logs – Com o novo controle de acesso granular baseado em função para logs, você pode colocar em cascata as permissões que definiu em um nível de recurso até os logs operacionais e simplificar a governança e as políticas
  • Alertas inteligentes e escalonáveis – A funcionalidade Limites Dinâmicos fornece uma maneira de permitir que o Azure Monitor determine automaticamente o limite de alerta correto usando algoritmos avançados de aprendizado de máquina e agora está em disponibilidade geral. Além disso, um novo recurso chamado Regras de Alerta, que permite que você crie ações na escala, está disponível na versão prévia pública.
    • Análise de alteração de aplicativo – A análise de alterações de aplicativos do Azure Monitor (versão prévia pública) é um novo recurso que responde à pergunta “O que mudou no meu aplicativo” e ajuda desenvolvedores e proprietários de aplicativos a solucionar problemas mais rapidamente. A análise de alterações de aplicativos fornecerá uma visão centralizada junto com a análise de todas as alterações recentes para diferentes componentes de um aplicativo Web e de suas dependências. A primeira iteração desse recurso já está disponível na experiência Diagnostique e Resolva Problemas nos Serviços de Aplicativos.

Leia a postagem no blog dos anúncios para obter a lista completa de todos os recursos que estamos anunciando para o Azure Monitor no Microsoft BUILD 2019.