Ignorar navegação

A API de zonas privadas em versão prévia do DNS do Azure está sendo preterida

Data da publicação: 12 março, 2020

Durante a versão prévia pública, zonas privadas do DNS foram criadas usando o recurso dnszones do ARM com a propriedade zoneType definida como Private.  O suporte para zonas criadas usando a versão prévia da API será removido em 30 de junho de 2020 e você deverá migrar imediatamente essas zonas privadas do DNS para o modelo de recurso em disponibilidade geral. O modelo de recurso em disponibilidade geral usa o tipo de recurso privateDnsZones em vez de dnszones.

Após 15 de abril de 2020, você não poderá criar zonas privadas do DNS usando a versão prévia da API de recursos dnszones. As zonas existentes criadas com essa API deixarão de funcionar após 30 de junho de 2020 e precisam ser migradas para o modelo de recurso em disponibilidade geral.

Observação: isso não afeta as zonas DNS públicas criadas usando o recurso dnszones. Essas zonas continuarão a funcionar normalmente.

Para descobrir os recursos de dnszones que exigem migração, execute o comando abaixo na CLI do Azure.

az account set --subscription SubscriptionId

az network dns zone list --query "[?zoneType=='Private']"

Ação necessária

1. Exclua a zona privada do DNS caso ela não seja mais necessária e tenha sido criada somente para fins de avaliação ou teste.

2. Se as zonas privadas do DNS estiverem em uso, siga as instruções passo a passo fornecidas em nosso guia de migração para migrar as zonas DNS em versão prévia para o modelo de recurso mais recente. O processo de migração foi automatizado e você só precisa executar um cmdlet do PowerShell.

3. Comece a usar o recurso privateDnsZones em vez do recurso dnszones.

4. Atualize suas automações (scripts/modelos) para usar a API versão 2018-09-01 e mude para a CLI/PowerShell/SDKs mais recente.

Se você precisar de assistência com o processo de migração, crie um tíquete de suporte.

  • Azure DNS
  • SDK and Tools
  • Services
  • Retirements

Produtos relacionados