Ignorar navegação
NA VISUALIZAÇÃO

Suporte da versão prévia do Linux para redes virtuais personalizadas nas Instâncias de Contêiner do Azure

Data da publicação: 25 setembro, 2018

Agora, é possível provisionar contêineres do Linux em redes virtuais novas ou existentes com as Instâncias de Contêiner do Azure. Esse suporte já está em versão prévia para Linux em duas regiões: Oeste dos EUA e Oeste da Europa.

Anteriormente, não era possível executar as Instâncias de Contêiner em uma rede virtual personalizada e atribuir endereços IP privados a grupos de contêineres. O suporte estava limitado a atribuir um endereço IP público com nomes DNS opcionais ou restringir a conectividade de entrada ao seu contêiner.

Agora, é possível unir as Instâncias de Contêiner à infraestrutura de rede existente delegando uma sub-rede ao recurso ContainerGroups. Dessa maneira, as Instâncias de Contêiner poderão receber endereços IP privados, manter a conectividade de saída com a Internet, comunicar-se com outros recursos protegidos na mesma rede virtual, com pontos de extremidade de serviço e com recursos locais conectados por meio do Azure ExpressRoute.

Isso pode ser feito usando somente um comando az container create, com detalhes sobre a rede virtual e a sub-rede a que você quer se unir.

az container create –resource-group myRG –name myContainer –location westus –vnet mynetwork –subnet mysubnet –image Microsoft/aci-helloworld

Modelos e SDKs do Azure Resource Manager também têm suporte. Basta fazer referência ao recurso Perfil de Rede na configuração da implantação para os grupos de contêineres.

Para saber mais sobre como usar as redes virtuais com as Instâncias de Contêiner, leia a documentação da integração de rede virtual. 

Para dar sua opinião e solicitar recursos, acesse nosso UserVoice.

  • Instâncias de contêiner
  • Rede Virtual
  • Features