Preço dos Arquivos do Azure

Armazenamento em nuvem confiável e econômica para pequenos e grandes volumes

Inicie sua conta gratuita do Azure e obtenha um crédito de $200 por 30 dias. Além disso, obtenha agora 12 meses de acesso gratuito ao Armazenamento.

O Azure tem cinco tipos de armazenamento: blobs, arquivos, discos, tabelas e filas. Veja como eles funcionam.

Seu custo total depende da quantidade de armazenamento, do volume e do tipo das transações de armazenamento e das transferências de dados de saída, bem como da opção de redundância de dados escolhida. Veja a comparação na seção “Opções de redundância de dados”.

Armazenamento de arquivos

Os Arquivos do Azure oferecem compartilhamentos de arquivos totalmente gerenciados na nuvem, acessíveis por meio do protocolo SMB padrão no setor. Os compartilhamentos de Arquivos do Azure podem ser montados de maneira simultânea por implantações locais ou na nuvem do Windows, do macOS e do Linux. Os Arquivos do Azure permitem o compartilhamento de arquivos entre aplicativos executados nas máquinas virtuais usando APIs do Windows familiares ou a API REST do arquivo. Além disso, a Sincronização de Arquivos do Azure permite o armazenamento em cache e a sincronização dos compartilhamentos dos Arquivos do Azure nos Windows Servers para acesso local.

Saiba mais

Preços de armazenamento

Estes são os custos do armazenamento de dados nos compartilhamentos de Arquivos do Azure. Os preços mostrados abaixo são os encargos mensais por GB de dados armazenados. Estes preços variam de acordo com a opção de redundância escolhida.

LRS GRS
$- por GB $- por GB

Preços de acesso

Os custos das transações são incorridos para as operações SMB e REST com relação ao compartilhamento de Arquivos do Azure. Estes são os custos das operações, como enumerar um diretório ou ler um arquivo, com relação aos dados armazenados em um compartilhamento de Arquivos do Azure. Estes preços variam de acordo com a opção de redundância escolhida.

LRS GRS
Operações Put, Create Container (a cada 10.000) $- $-
Listar Operações (a cada 10.000) $- $-
Todas as outras operações, exceto Delete, que é gratuita (a cada 10.000) $- $-
No momento, os Arquivos do Azure não dão suporte a ZRS nem a RA-GRS. Os compartilhamentos de arquivos na conta de armazenamento do RA-GRS são cobrados de acordo com os preços do GRS.
Observação: as operações de arquivos que resultam na transferência de dados para fora de um datacenter do Azure resultarão em encargos de transferência de dados de saída.

Preços da Sincronização de Arquivos*Versão Prévia

Estes são os custos da sincronização dos arquivos dos servidores Windows com os compartilhamentos dos Arquivos do Azure na nuvem. Saiba mais sobre a Sincronização de Arquivos do Azure.

O custo total dos serviços da AFS (Sincronização de Arquivos do Azure) é determinado pelo número de servidores que podem ser conectados ao ponto de extremidade da nuvem (Compartilhamento de Arquivos do Azure). Esse valor é acrescentado ao custo subjacente do Armazenamento de Arquivos (incluindo os custos de armazenamento e de acesso) e a transferência de dados de saída.

Veja abaixo a taxa mensal fixa por servidor.

Preço da versão prévia por mês (com 50% de desconto)
Servidor de Sincronização* $-

*Um servidor de sincronização gratuito por serviço de sincronização de armazenamento. A sincronização usa operações para sincronizar dados com a nuvem e com outros servidores e você será cobrado pelas operações geradas no processo de sincronização. O número de operações de Arquivos geradas e os custos de acesso aumentam conforme o número de arquivos é alterado no servidor e o número de servidores necessários a serem mantidos na sincronização.

Consulte a disponibilidade de região para a Sincronização de Arquivos do Azure

Importar/Exportar

Transfira grandes quantidades de dados de e para o Azure usando discos rígidos. Saiba mais.

Opções de redundância de dados

armazenamento com redundância local Faz várias cópias síncronas de seus dados dentro de um único datacenter.
armazenamento com redundância de zona Armazena três cópias de dados em vários datacenters dentro da região ou entre regiões. Somente para blobs de blocos.
armazenamento com redundância geográfica O mesmo que armazenamento com redundância local, mas com várias cópias assíncronas para um segundo datacenter a centenas de quilômetros de distância.
armazenamento com redundância geográfica com acesso de leitura O mesmo que armazenamento com redundância geográfica, mais acesso de leitura ao datacenter secundário.

Para obter mais detalhes sobre as opções de redundância e como elas podem ser usadas para alta disponibilidade, consulte a replicação do Armazenamento do Azure. Observe que nem todos os tipos de redundância estão disponíveis para todos os tipos de armazenamento.

Suporte e Contrato de Nível de Serviço

  • Suporte gratuito para gerenciamento de cobrança e assinaturas.
  • Planos de suporte flexíveis a partir de $29/mês. Comprar um plano.
  • Disponibilidade garantida de 99,9% ou mais (exceto em serviços de versão prévia). Leia o SLA.

Perguntas Frequentes

Geral

  • Sim. A capacidade de armazenamento é cobrada em unidades da quantidade média diária de dados armazenados, em gigabytes (GB), durante um período de um mês. Por exemplo, se você tiver usado consistentemente 10 GB de armazenamento na primeira metade do mês e nada na segunda metade, receberá uma cobrança pela média de uso de 5 GB de armazenamento.

  • As contas de armazenamento são configuradas para que tenham redundância geográfica por padrão. Você pode alterar essas configurações para redundância geográfica ou local com acesso de leitura por meio do portal clássico do Microsoft Azure ou da API de gerenciamento de serviços. Também é possível verificar o status no portal sobre como usar a API de Gerenciamento de Serviços.

  • As contas de armazenamento serão cobradas por um mínimo de 30 dias a partir do momento em que o serviço for habilitado. Por exemplo, se o armazenamento com redundância geográfica com acesso de leitura for ativado em 1º de maio e desativado em 5 de maio, a conta de armazenamento será cobrada pelo armazenamento com redundância geográfica com acesso de leitura até 30 de maio. Depois disso, será aplicado o preço do armazenamento com redundância geográfica.

    Se o armazenamento com redundância geográfica com acesso de leitura for ativado em 1º de maio e desativado em 14 de junho, o armazenamento com redundância geográfica com acesso de leitura será cobrado até 14 de junho. No dia 15 de junho, o preço do armazenamento com redundância geográfica entrará em vigor.

Armazenamento de blob

  • A conta de armazenamento de blobs é uma conta de armazenamento especializada para armazenamento de dados como blobs e permite que os usuários especifiquem uma camada de acesso com base na frequência de acesso dos dados nessa conta. As contas de armazenamento de uso geral podem ser usadas para armazenar blobs, bem como arquivos, discos, tabelas e filas.

  • Não. Os preços do blob de blocos em contas de armazenamento de uso geral não foram alterados. Consulte os preços.

  • Caso veja “Quente”, “Fria” ou “Arquivo Morto” no nome do recurso, isso significa que o encargo está associado às contas de armazenamento de blobs. Por exemplo, quando aparece “E/S Padrão – Blob de Blocos Frio (GB)” em sua fatura, você está usando e sendo cobrado pelas contas de armazenamento de blobs, enquanto que “E/S Padrão – Blob de Blocos (GB)” é o medidor associado ao uso de blob de blocos nas contas de armazenamento de uso geral.

  • Nas contas de armazenamento de blobs, você pode definir a camada de acesso de um blob como quente, fria ou arquivo morto. O preço por GB de armazenamento aumenta progressivamente da camada arquivo morto para a fria e para a quente, enquanto o custo de acesso aos dados aumenta da camada quente para a fria e para a de arquivo morto. As camadas arquivo morto e fria devem ser usadas para dados acessados raramente e com pouca frequência, respectivamente, com menores requisitos de SLA quanto à disponibilidade. Caso você não conheça o padrão de acesso dos seus dados, recomendamos começar com a camada quente por pelo menos um mês e, então, determinar se poderá economizar custos passando para o armazenamento nas camadas fria e arquivo morto com base no uso real.

  • Você será cobrado pela recuperação de dados quando mudar da conta de armazenamento de blobs fria para a quente, por exemplo, se você tiver 100 GB de dados em uma conta de armazenamento de blobs e mudar a conta de fria para quente, a cobrança será de 100 * $0.01 = $1 pela recuperação de dados.

  • Não. Ao mudar a conta de quente para fria, você não será cobrado pelas gravações de dados. Você só será cobrado pelas gravações de dados se gravar dados diretamente em sua conta de armazenamento de blobs com camadas de acesso esporádico.

  • Quando você grava dados em contas GRS, esses dados são replicados em outra região do Azure. A cobrança de Transferência de Dados com Replicação Geográfica é o custo da largura de banda para a replicação desses dados em outra região do Azure.

Armazenamento em disco

  • Se o disco de 100 GB vazio tiver o suporte de uma Conta de Armazenamento Premium, você será cobrado por um disco P0 (128 GB). Se qualquer outro tipo de conta de armazenamento for usado, você será cobrado somente pelo espaço de armazenamento utilizado para armazenar os dados gravados no disco, independentemente do tamanho do disco alocado.

  • Sim. 99,9% da disponibilidade de leitura/gravação também se aplicam às contas de Armazenamento Premium.

Armazenamento de arquivos

  • Você será cobrado somente para o armazenamento usado, não o conjunto de cotas.

Recursos

Faça a estimativa de seus custos mensais com os serviços do Azure

Verifique as perguntas frequentes sobre preços do Azure

Saiba mais sobre Armazenamento

Consulte tutoriais técnicos, vídeos e outros recursos

Adicionado à estimativa. Pressione ‘v’ para exibir na calculadora Exibir na calculadora

Aprenda e crie com $200 de crédito e continue gratuitamente

Conta gratuita