Ignorar navegação

Data Lake Analytics preço

Um serviço de trabalho de análise sob demanda para impulsionar a ação inteligente

O Azure Data Lake Analytics é o primeiro serviço de análise baseado em trabalho sem servidor na nuvem no qual é possível desenvolver e executar transformação paralela de dados de forma massiva e processamento de programas em U-SQL, R, Python e .NET em petabytes de dados. Sem infraestrutura para gerenciar, você pode processar dados sob demanda, dimensionar instantaneamente e pagar somente por trabalho.

Detalhes dos preços

Pré-pago

O pré-pago permite que você pague por segundo, sem compromissos a longo prazo.

Uso Preço
Unidade de Análise $-/hora

Pacotes de compromisso mensal

Os pacotes de compromisso mensal fornecem um desconto significativo (de até 74%), em comparação com o preço pré-pago.

Horas por Unidade de Análise Incluídas Preço/Mês Economia no pré-pago
100 $-
500 $-
1.000 $-
5.000 $-
10.000 $-
50.000 $-
100.000 $-
> 100.000 Contate-nos

O excedente de Horas por Unidade de Análise será cobrado a $-/hora.

Suporte e Contrato de Nível de Serviço

  • Suporte gratuito para gerenciamento de cobrança e assinaturas.
  • Planos de suporte flexíveis a partir de $29/mês. Comprar um plano
  • Tempo de atividade de 99,9% garantido para o Azure Data Lake Analytics. Ler o SLA

Perguntas Frequentes

  • Uma Unidade do Azure Data Lake Analytics, ou AU, é uma unidade de computação disponibilizada para o seu trabalho do U-SQL. Cada AU dá ao seu trabalho acesso a um conjunto de recursos subjacentes como CPU e memória. Saiba mais sobre uma AU

  • Ao criar um trabalho, você deve alocar AUs para que ele seja executado. Um trabalho passará por quatro fases principais: preparação, enfileiramento, execução e finalização, e entrará em execução depois que as AUs alocadas se tornarem disponíveis. Você será cobrado pelas AUs alocadas no período de duração das fases de execução e finalização do trabalho. Saiba mais sobre uma AU

  • Você deve alocar cuidadosamente o número correto de AUs que atenda às suas necessidades de trabalho. Aumentar o número de AUs disponibiliza mais recursos computacionais para o seu trabalho, mas não aumenta o paralelismo inerente do trabalho. Dependendo das características do seu trabalho (por exemplo, o quão paralelizável é, a quantidade de dados que processa, etc.), você poderá ver que seus trabalhos são executados mais rapidamente com mais AUs, ou você poderá alocar mais AUs do que a quantidade que pode ser utilizada. As Ferramentas do Azure Data Lake para Visual Studio fornecem várias ferramentas que ajudam a diagnosticar o desempenho dos seus trabalhos de U-SQL e estimar o número ideal de AUs. Saiba mais sobre como economizar dinheiro e controlar custos

  • O preço é determinado pelo número de AUs e a duração do trabalho. Vamos pressupor dois casos:

    • Caso 1: um trabalho leva três horas para ser concluído com 10 AUs, por isso, o preço é calculado como 3 * 10 = 30 horas de AU. Se o trabalho puder aproveitar 20 AUs para execução na metade desse tempo, o preço será 1,5 * 20 = 30 horas de AU. Nesse caso, o preço seria o mesmo, mas a latência melhoraria.
    • Caso 2: um trabalho leva cinco horas para ser concluído com 10 AUs, por isso, o preço é calculado como 5 * 10 = 50 horas de AU. Se o trabalho levar 4 horas para ser concluído usando 20 AUs, o preço será 4 * 20 = 80 horas de AU. Nesse caso, o custo total aumentaria em 80% com o seu trabalho terminando uma hora mais cedo.
  • As transações do Azure Data Lake Store Gen1 são incorridas sempre que você lê ou grava dados no serviço. Toda vez que um usuário, um aplicativo ou outro serviço do Azure lê ou grava dados de até 4 MB, isso é cobrado como uma transação. Por exemplo, se uma operação de gravação colocar 128 KB de dados no Data Lake Store Gen1, ela será cobrada como uma transação. As transações são cobradas em incrementos de até 4 MB. Portanto, se um item for maior que 4 MB, ele será cobrado em vários incrementos. Por exemplo, se uma operação de leitura obtiver 9 MB de dados do Data Lake Store Gen1, ela será cobrada como três transações (4 MB + 4 MB + 1 MB).

    Vejamos como as transações aparecem em sua fatura com base em operações de leitura. Para tanto, suponha um cenário em que seu aplicativo executa um trabalho do Data Lake Analytics por quatro horas por dia, enquanto lê 1,000 itens por segundo no momento em que o trabalho está sendo executado, e cada item tem menos de 4 MB. No cenário acima, o Data Lake Store Gen1 cobrará pelas transações de leitura realizadas pelo Data Lake Analytics ao ler dados do Data Lake Store Gen1. Você será cobrado pelo seguinte:

    Item Volume de uso por mês Tarifa por mês Custo mensal
    Transações de leitura do Data Lake Analytics 1,000 itens/segundo * 3,600 * 4 * 31 $- por 10,000 transações $-
    Custo total das transações $-
  • O preço é determinado pelo número de AUs que você reservou para o mês.

    • Um ciclo de cobrança é alinhado ao mês do calendário. Portanto, ele começa sempre no 1º dia do mês e termina no último dia do mês.
    • Quando você se comprometer com um pacote pela primeira vez, efetuaremos o cálculo do preço mensal e das horas de AU proporcional aos dias que restantes naquele mês. Por exemplo, se você se comprometer com um pacote de 1.000 horas de AU e houver 10 dias restantes para terminar o mês, você receberá imediatamente 334 horas de AU (1.000 horas de AU / 30 dias no mês x 10 dias restantes) por um preço de $- ($- / 31 dias no mês x 10 dias restantes). Vamos calcular proporcionalmente considerando 30 dias para as horas de AU em um pacote e considerar 31 dias para o cálculo do preço para garantir que o cálculo proporcional seja sempre favorável a você.
    • As unidades em um pacote são redefinidas no 1º dia do mês. Por exemplo, se você se comprometer com 100 horas de AU e ainda tiver 20 horas de AU restantes ao final do mês, seu pacote será redefinido para 100 horas de AU no dia seguinte. As horas de AU não utilizadas não são acumuladas.
    • Você pode escolher um novo pacote a qualquer momento. A alteração entrará em vigor no primeiro dia do próximo mês do calendário. Isso significa que, se você tiver um pacote de 100 horas de AU durante um mês e decidir se comprometer com um pacote de 500 horas de AU, essa mudança será aplicada no 1º dia do próximo mês do calendário. No mês do calendário atual, você permanecerá com o pacote de 100 horas de AU.
    • Usamos “segundos” como a unidade de medida para o consumo do pacote de compromisso.
    • Quando seu pacote for consumido, você será cobrado pelo consumo excedente a uma tarifa de $-/hora de AU.
  • O consumo é determinado pelo número de AUs e a duração do trabalho. A duração do trabalho é influenciada pelo número de AUs atribuídas ao trabalho e também pelas características do trabalho, assim como o tamanho dos dados e a complexidade da computação.

    • Caso 1: você se comprometeu com 100 horas de AU e enviou um trabalho que leva 2 horas e 30 minutos para ser concluído com 1 AU. Nesse caso o consumo é calculado como 2,5 * 1 = 2,5 horas de AU. Você terá 97,5 horas de AU restantes no seu compromisso.
    • Caso 2: você se comprometeu com 100 horas de AU e tem apenas 1 hora de AU restando. Você envia um trabalho que leva duas horas para ser concluído com dois AUs, por isso o consumo é calculado como 2 * 2 = 4 horas de AU. Você utilizará a sua hora de AU restante e será cobrado em 3 horas de AU adicionais, pela taxa de excedente (1,5 * 3 = $-)

  • O Azure Data Lake Analytics permite que você leia e grave dados do Azure Data Lake Store Gen1, do Armazenamento de Blobs do Azure e do Banco de Dados SQL do Azure. O uso desses serviços pelo Azure Data Lake Analytics pode incorrer em encargos padrão de tais serviços (por exemplo: transações, transferências de dados de saída, etc.). Consulte a página de preço desses serviços para obter mais detalhes.

    • Cancelamento do trabalho:
      O cancelamento sempre é resultado de uma ação deliberada do cliente ou de uma política administrativa definida pelo usuário. O serviço ADLA não cancela trabalhos de maneira autônoma, exceto no caso de um vértice atingir seu limite de tempo de execução de cinco horas (não há limite de tempo para um trabalho, mas há um limite para um único vértice). Quando um trabalho é cancelado, cobraremos você pelo período de tempo que o trabalho foi executado.
    • Falha de trabalho:
      As falhas de trabalho são resultado de um erro de usuário ou, às vezes, de um erro do serviço ADLA. O código de erro de um trabalho com falha indicará se uma falha de trabalho foi resultado de um erro de usuário ou de serviço. Se o código de erro tiver a palavra “USER”, a falha será um resultado de um erro de usuário e, neste caso, o serviço será cobrado de acordo com o período de tempo que o trabalho foi executado. No entanto, se o erro tiver a palavra “SYSTEM”, a falha será um resultado de um erro de serviço ADLS e você não será cobrado por esse trabalho.

Recursos

Faça a estimativa de seus custos mensais com os serviços do Azure

Verifique as perguntas frequentes sobre preços do Azure

Saiba mais sobre Data Lake Analytics

Consulte tutoriais técnicos, vídeos e outros recursos

Adicionado à estimativa. Pressione ‘v’ para exibir na calculadora Exibir na calculadora

Aprenda e crie com $200 de crédito e continue gratuitamente