Ignorar Navegação

O Azure Site Recovery alarga o suporte em matéria de discos e configuração, bem como o apoio técnico para Linux

Já disponível Está disponível geralmente.

Data da Atualização: 4 de junho de 2018

O Azure Site Recovery irá alargar o suporte em matéria de tamanho de discos, as opções de configuração e o apoio técnico para o SO Linux para ajudar os utilizadores a simplificar as migrações e tornar as soluções de continuidade do negócio acessíveis a todas as aplicações. No seguimento do suporte para tamanhos de discos maiores recentemente disponibilizado no Azure, o Site Recovery passará a suportar a migração e ativação pós-falha de máquinas virtuais com tamanhos de discos até 4 TB, de modo a acomodar cargas de trabalho empresariais de grande dimensão. O nosso serviço de recuperação após desastre passará a suportar máquinas IaaS do Azure que utilizem a funcionalidade Espaços de Armazenamento Direto, uma tecnologia de virtualização no Windows Server 2016 que reúne os discos em agrupamentos de armazenamento de modo a melhorar o desempenho e acomodar discos maiores. A fim de proporcionar uma maior flexibilidade, o Site Recovery irá alargar o apoio técnico para o SO Linux Ubuntu em infraestruturas virtualizadas VMware ou Máquinas Virtuais do Azure.

Saiba mais nesta mensagem de blogue.

  • OSS
  • Site Recovery
  • Open Source
  • Comentários relacionados