Navigation überspringen

Nota de pesquisa da Gartner: O que o Azure Stack da Microsoft poderia fazer pelos seus negócios na nuvem em 2017

Die Ressource „Nota de pesquisa da Gartner: O que o Azure Stack da Microsoft poderia fazer pelos seus negócios na nuvem em 2017“ ist in Deutsch nicht verfügbar. Die Informationen sind in Português (Brasil) verfügbar.

Veröffentlicht: 10.11.2017

Quase 75% das empresas buscam uma estratégia de computação em nuvem híbrida.* Para obter o máximo de uma nuvem híbrida, a chave é a interoperabilidade. Para os gerentes de TI e desenvolvedores, isso significa desenvolver e implantar aplicativos entre serviços de nuvem internos e externos para gerar eficiência e flexibilidade. Para os clientes, isso significa fornecer serviços e aplicativos que sejam compatíveis com a API com destinos públicos, privados hospedados ou na infraestrutura local para uma melhor experiência de usuário em sua jornada de nuvem. O Azure Stack pode:

• Trazer a agilidade e a inovação acelerada da computação em nuvem para ambientes na infraestrutura local.
• Gerar melhor consistência entre experiências de desenvolvimento na infraestrutura local e na nuvem.
• Ajudar as organizações a ajustar a escala com mais facilidade.
• Reduzir as ilhas de tecnologias encontradas nos modelos de computação em nuvem híbrida de hoje.

Leia a nota de pesquisa da Gartner O que o Azure Stack da Microsoft poderia fazer pelos seus negócios na nuvem em 2017. Essa nota de pesquisa de computação de nuvem híbrida fornece recomendações de especialistas, análises e principais casos de uso.

Registre-se para fazer download do relatório da Gartner sobre o Azure Stack.

*Fonte: Gartner, O que o Azure Stack da Microsoft poderia fazer pelos seus negócios na nuvem em 2017, agosto de 2017.  O recurso está disponível em inglês.

Zum Herunterladen anmelden

- Oder -

Bitte füllen Sie dieses Formular aus.

Durch Absenden dieser Seite stimme ich zu, dass meine angegebenen Daten durch Microsoft Corporation in den USA erhoben sowie durch andere Microsoft-Niederlassungen weltweit (www.microsoft.com/worldwide/) verarbeitet und genutzt werden (Microsoft Datenschutzbestimmungen).